Notícias

Feira de emprego na construção metálica

Feira de emprego na construção metálica

Lisboa vai acolher a 19 e 20 de setembro a primeira feira de emprego dedicada à construção metálica. O evento é organizado conjuntamente pela Associação Portuguesa de Construção Metálica e pela Rede EURES/ IEFP e promete levar ao Hotel Sana Lisboa, estudantes de profissionais ligados a esta indústria.
13.09.2012 | Por Cátia Mateus


  PARTILHAR



Em Portugal o sector da construção metálica e mista emprega cerca de 50 mil trabalhadores, de acordo com os números da CMM – Associação Portuguesa de Construção Metálica e Mista. Luís Simões da Silva, o presidente da associação diz não ter números oficiais sobre a evolução do desemprego nesta área, mas o que não tem dúvidas é que as dificuldades que a conjuntura nacional está a provocar no sector tem levado inúmeros profissionais a procurar oportunidades de trabalho no estrangeiro e o mercado internacional é já o maior empregador destes trabalhadores. Foi a pensar nestas oportunidades que a CMM se associou à Rede EURES e aos Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP) na organização daquela que é a primeira feira de emprego exclusivamente pensada para este sector.
“Tendo em conta as condições atuais da economia portuguesa, o mercado internacional é claramente a maior fonte de emprego do sector”, explica Luís Simões da Silva, justificando assim a realização em Portugal da primeira European Steel Construction Job Fair (ECCS Job Fair) que decorre a 19 e 20 de Setembro, no Hotel Sana Lisboa. O evento tem como destinatários profissionais e estudantes de engenharia civil, engenharia mecânica, arquitetura e outras áreas relevantes para a indústria da construção metálica e está inserido no ECCS Steel Construction Day & Annual Meeting 2012.

Segundo o presidente da CMM “o sector da construção metálica não fugiu à regra da economia nacional em geral e sofreu internamente uma grande quebra que tornou difícil a sobrevivência de algumas empresas, motivando-as a investir me novos mercados e procurando oportunidades de crescimento na internacionalização”. Angola, Moçambique, Argélia, Brasil, Noruega são atualmente os países com maior oportunidades neste sector e os que acolhem maior número de trabalhadores portugueses.Uma realidade que é, de resto visível, nas empresas já confirmadas no evento (ver caixa). Para Luís Simões da Silva a meta do evento é “empregar o maior número de técnicos do sector beneficiando quer estes profissionais, quer as empresas que necessitem de trabalhadores qualificados”. O acesso à IECCS Job Fair é gratuito para todos os visitantes segundo o IEFP, o evento contará com a presença de conselheiros Eures e empresas internacionais. O IEFP aconselha a que os visitantes se façam acompanhar de um currículo em inglês e tenham disponibilidade para realizar entrevistas no local.



À procura de talentos portugueses
De 19 a 22 de setembro há oportunidades em Lisboa. São já várias as empresas confirmadas para primeira ECCS Job Fair. Conheça algumas:


Adecco (Bélgica)
A empresa de recrutamento Adecco vai estar no evento a recrutar vários profissionais portugueses para trabalhar no mercado belga. Entre os perfis que a empresa quer encontrar estão: engenheiros eletrotécnicos, engenheiros de software, mestres em engenharia mecatrónica, informática e eletrotécnica, mestres em micro-eletrónica com mais de cinco anos de experiência profissional e mestres em eletromecânica e hidráulica.
www.adecco.be

Aker Solutions (Noruega)
A Aker Solutions opera ao nível dos produtos do campo petrolífero e tem como clientes empresas da indústria de petróleo e gás em todo o mundo. A empresa emprega cerca de 25 mil pessoas em mais de 30 países e vai estar em Portugal a recrutar para a sua posição na Noruega engenheiros de estruturas seniores e engenheiros mecânicos seniores.
www.akersolutions.com

FIBS (Bélgica)
A FIBS – Flemish International Building Services é uma federação do sector da construção da Flandres que representa 12 empresas e que participa neste evento para recrutar 19 profissionais portugueses. Em Lisboa estarão à procura de engenheiros técnicos, gestores de projeto seniores para a área da construção, gestores de projeto seniores para área técnica e de aplicações, gestores web, gestores de projeto para a área da construção e especialistas CAD.
www.fibs.be

FMC Technologies (Noruega)
A FMC Technologies desenvolve equipamentos e tecnologias necessárias para os processos de deteção, perfuração e extração de petróleo e gás. Não é a primeira vez que recruta em Portugal e nesta missão tem várias vagas disponíveis que os interessados podem consultar previamente no site de carreiras da empresa em www.fmctechnologies.com/Careers.aspx
www.fmctechnologies.com

Jobconnect (Noruega)
A agência de recrutamento e seleção Jobconnect é especializada no recrutamento e seleção de especialistas em tecnologias de informação e engenharia. A empresa vem a Portugal focada na meta de recrutar engenheiros mecânicos, engenheiros eletrónicos, programadores e engenheiros de software.
www.jobconnect.no

Martifer (Portugal)
A multinacional Martifer está focada nas construções metálicas e energia solar e emprega mais de três mil profissionais. A divisão de construção da empresa está apostada em consolidar uma presença significativa em mercados internacionais como o Brasil ou Angola, além de vários países europeus. Tem em aberto inúmeras vagas e aconselha os participantes a consultarem previamente o seu site.
www.martifer.pt/en

FELIZ Metalomecânica (Portugal)
É uma empresa especializada na construção em aço, com uma presença sólida no mercado e aspirações globais. Quer recrutar engenheiros de várias especialidades para o mercado nacional e também para Angola.
www.ofeliz.pt



OUTRAS NOTÍCIAS
Idiomas à prova de desemprego

Idiomas à prova de desemprego


No último ano, a Oxford School assistiu a um novo fenómeno na realidade do ensino de idiomas em Portugal. Depois de décadas a centrar o seu ensino num público maioritariamente composto por estudantes ...

Formação jurídica certificada

Formação jurídica certificada


Segundo o presidente da VdAcademia, Rodrigo Esteves de Oliveira, que é também sócio da VdA, esta estrutura “é a única associação formadora numa sociedade de advogados portuguesa, apta a emitir certifi...

Bluepharma: um ‘antibiótico’ para o desemprego

Bluepharma: um ‘antibiótico’ para o desemprego


Foi este ano considerada a empresa mais empreendedora do ano pelo European Institute for Business Administration. Mas não é só no empreendedorismo que a farmacêutica Bluepharma se destaca. Os med...



DEIXE O SEU COMENTÁRIO





ÚLTIMOS EMPREGOS


ENGENHEIRO DE PROCESSO

Michael Page Portugal

GESTOR COMERCIAL - HORECA - COIMBRA

Spring Professional Portugal

GESTOR COMERCIAL - HORECA - COIMBRA

Spring Professional Portugal