Notícias

ACPP forma cozinheiros

ACPP forma cozinheiros

A Associação de Cozinheiros Profissionais de Portugal (ACPP) vai iniciar em setembro dois cursos de cozinha e um de pastelaria. Estas formações destinam-se a jovens e adultos que queiram iniciar actividade na área ou reciclar conhecimentos.
27.07.2012 | Por Maribela Freitas


  PARTILHAR



“A ideia de lançarmos estes cursos deve-se a termos sido contactados por muitas pessoas que gostavam de entrar nesta profissão”, conta Maria João Caldeira, coordenadora de formação da ACPP. Todos os cursos de cozinha estão estruturados de forma a que os alunos tenham uma sequência de matérias, desde as bases de cozinha, fundos e molhos, passando pela preparação, conservação e confecção de ingredientes de sopas, entradas, guarnições, peixes e mariscos, carnes, cozinha regional e internacional e novas tecnologias. O atelier de cozinha Fausto Airoldi que em Setembro inicia a sua segunda edição, conta com 220 horas de formação. Já o curso de cozinha intensiva e o de pastelaria, que avançam pela primeira vez em Setembro, irão ter 500 horas de formação a que se acrescem 140 horas de estágio (facultativo) e 275 horas, respectivamente. Na pastelaria os conteúdos serão diversificados, abrangendo desde massas lêvedas a cremes e recheios. Jovens e adultos com o mínimo do nono ano de escolaridade e com interesse na área da cozinha ou pastelaria são o público-alvo. Caso não tenho estas qualificações académicas, ficam sujeitos a critérios de selecção efectuados pela coordenação do curso. “Ser cozinheiro é uma profissão secular que hoje tem uma maior visibilidade e é fundamental apostar na qualidade da formação, porque continua a ser um mercado com potencial em Portugal”, salienta Maria João Caldeira. A maior atenção dada actualmente a estas actividades prende-se na perspectiva da coordenadora de formação da ACPP, aos programas de televisão e revistas da especialidade que têm surgido um pouco por toda a aparte e às personalidades nacionais e internacionais que laboram nestes domínios. Estes cursos têm como saídas profissionais restaurantes e hotéis a trabalhar no mercado. A ACPP tem várias parcerias com empresas de hotelaria e restauração, bem como institutos superiores e escolas que ministram esta área do saber. As inscrições para as formações de cozinha e pastelaria estão abertas. O atelier de cozinha custa 1665 euros e decorre em horário pós-laboral. Já o curso intensivo de cozinha e o de pastelaria implicam um investimento de 1780 e 3100 euros, respectivamente e, serão ministrados de segunda a sexta-feira, entre as 14 e as 20 horas.


OUTRAS NOTÍCIAS
Fintar a crise com um part-time

Fintar a crise com um part-time


O fenómeno está a ganhar adeptos e até já há sites que podem auxiliá-lo na difícil tarefa de dar o primeiro passo. O número de trabalhadores portugueses que aufere o salário mínimo nacional duplico...

Marketing digital para executivos

Marketing digital para executivos


A International Faculty for Executives (IFE) vai voltar a promover o seu Executive Training em Marketing Digital. Depois da adesão que alcançou na sua primeira edição, o curso regressa novamente como ...

ONG coloca mulheres mais perto do mercado de trabalho

ONG coloca mulheres mais perto do mercado de trabalho


O projeto vive de voluntariado e doações e é totalmente gratuito para as mulheres que a ele recorrem. O Dress for Success veste e prepara as mulheres para uma entrevista de emprego e, em casa de contr...



DEIXE O SEU COMENTÁRIO





ÚLTIMOS EMPREGOS


ACCOUNT MANAGER - INCENTIVOS À I&D

Michael Page Portugal

ACCOUNTANT BANKING SECTOR-PSA BANK

Spring Professional Portugal

ASSISTANT ACCOUNTING CONTROLLER

Spring Professional Portugal