Notícias

Academia de liderança para jovens angolanos

A missão da Academia de Liderança do Banco BIC e da PwC é preparar os jovens angolanos para liderar empresas em Angola.
15.09.2011 | Por Cátia Mateus


  PARTILHAR



O Banco BIC e a PwC vão organizar em parceria a Academia de Liderança, um programa de formação direcionado a jovens finalistas universitários oriundos de Angola. O curso tem arranque previsto para 25 de setembro e entre cerca de meia centena de candidatos os promotores da iniciativa selecionaram os 12 melhores para frequentar esta formação. A iniciativa surge na sequência do programa de estágios promovido junto da comunidade de estudantes angolanos em Portugal e a missão base das entidades organizadoras do programa - Banco BIC e PwC - é, segundo referem, “contribuir para a formação de novas gerações de líderes que venham a ter impacto no desenvolvimento económico angolano, reforcem o posicionamento do país, e aprofundem os elos de ligação económicos e sociais a Portugal”. Para viabilizar esta missão foi estruturado um programa de formação que se dividirá em seis sessões e que tem como destinatários, exclusivamente, estudantes universitários angolanos que estudem e residam em Portugal e sejam, este ano, finalistas. O objetivo, garante a organização, é desenvolver nestes jovens as competências de liderança essenciais. Com início previsto para 25 de setembro, as aulas decorrerão de forma intensiva, abordando temas como a inovação, o empreendedorismo, a relação entre a crise financeira e as oportunidades de investimento em Angola, personal branding, e outras áreas que ajudem os jovens a perceberem a realidade do mercado angolano. Nestas sessões de formação está sempre representada uma empresa portuguesa que falará, na primeira pessoa, sobre a sua experiência em território angolano. Além das aulas, o programa inclui workshops, sessões de coaching, mesas redondas e debates. O desenvolvimento de conteúdos é assegurado pela empresa holandesa Leaders2B, especialista na área das competências de liderança e o programa encerrará com um seminário final e atribuição de estágios a todos os formandos. Entre as empresas que acolherão estes estagiários estão os dois organizadores da Academia de Liderança - Banco BIC e da PwC - e outras entidades que apoiam a iniciativa como o Hay Group, a Mota-Engil, Visabeira, Auto-Sueco, Socieadade Portuguesa da Inovação, entre outros. A edição 2011 da Academia registou mais de meia centena de candidaturas para apenas 12 vagas disponíveis.


OUTRAS NOTÍCIAS
Os Licenciados MBA irão ter rendimentos superiores em 2012

Os Licenciados MBA irão ter rendimentos superiores em 2012


"74% das empresas estão a planear contratar licenciados MBA em 2012". Obter um MBA irá colocar à sua disposição as melhores oportunidades possíveis de aceder a cargos de topo e aumentar o seu salár...

Brasil, um destino de oportunidades

Brasil, um destino de oportunidades


O fenómeno da emigração portuguesa para o Brasil estagnou na década de 60, mas fruto do crescente dinamismo económico daquele país, são cada vez mais o...

O jovem líder dos códigos de barras no Brasil

O jovem líder dos códigos de barras no Brasil


Faz parte da nova geração de emigrantes altamente qualificados que abraçou uma carreira internacional e tem orgulho nisso. Bernardo Abecasis trocou a sua Lisboa, pela cidade de S&...



DEIXE O SEU COMENTÁRIO





ÚLTIMOS EMPREGOS


AR ITALIANO

Experis Finance, Tax & Legal

CONTROLLER DE GESTÃO INDUSTRIAL

Spring Professional Portugal