Notícias

19500 euros para empreender

O Prémio Jovem Empreendedor está de regresso à cidade do Porto com a missão de fomentar a iniciativa empresarial entre os jovens.
23.09.2010 | Por Cátia Mateus


  PARTILHAR



Soma já 12 edições, foi o pioneiro dos prémios de incentivo à iniciativa empresarial e ao longo da sua história já ajudou a criar vários negócios de valor reconhecido. O Prémio Jovem Empreendedor, promovido pela Associação Nacional de Jovens Empresários (ANJE), volta assim a desinquietar as mentes menos acomodadas e com aptidão para arriscar, oferecendo um prize Money de 19.500 euros ao melhor projeto empresarial concebido nesta conjuntura adversa.

As candidaturas decorrem até 30 de setembro, para esta que é uma das mais antigas competições de empreendedorismo do país. Criado em 1998, o Prémio Jovem Empreendedor tem vido a contribuir ativamente para a renovação do panorama empresarial português ajudando a lançar no mercado inovadoras start-ups e PME's.
Apoiado pelo Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP), este prémio é direcionado a todos os cidadãos entre os 18 e os 35 anos que apresentem projetos de criação ou expansão de empresas à luz de requisitos como a exequibilidade financeira, a adequação ao mercado, o caráter inovador da iniciativa e a credibilidade das referências académicas ou profissionais dos seus promotores.

O empreendedor responsável pelo melhor projeto é contemplado com um prémio monetário de 19.500 euros, que deverá aplicar na empresa e terá ainda acesso, através das estruturas da ANJE, a apoio no acesso a instrumentos de suporte financeiro e infraestrutural, como sejam as iniciativas Ninhos de Empresas, Centros de Incubação e Programas de Apoio a Jovens Empresários. Além do vencedor, o júri poderá ainda conceder menções honrosas a outros concorrentes, caso a qualidade dos projetos a concurso o justifique.

Para concorrer, os candidatos devem preencher um plano de negócios onde conste a apresentação do negócio, a análise do mercado, a aplicação económico-financeira do projeto, amostragem da conta Estado e outros entes públicos, cálculo de resultados previsionais e balanços previsionais, além da informação relativa ao promotor do projeto. Para facilitar esta tarefa, a ANJE elaborou um documento pré-formatado que os candidatos podem descarregar através do seu sítio em www.anje.pt/academia .
A Critical Software foi o primeiro projeto a vencer este prémio. Hoje, a empresa de TIC continua sediada em Coimbra, mas em virtude dos serviços que presta à NASA, tem também escritórios em Silicon Valley, na Califórnia. Mas além desta empresa, a ANJE já distinguiu outras com este prémio. Central Casa, Stab Biotec, Crioestaminal, Biosurfit, Ative Space Techonologies, Master Blank e CreativeBitBox figuram igualmente entre os projetos cujo mérito o Prémio Jovem Empreendedor já distinguiu.



OUTRAS NOTÍCIAS
O regresso das oportunidades

O regresso das oportunidades


As épocas adversas podem ser fontes de oportunidade e apesar das últimas estatísticas apontarem para uma taxa de desemprego record em Portugal, a realidade é que quando se...

O workshop da empregabilidade

O workshop da empregabilidade


As empresas estão cada vez mais empenhadas em apoiar causas sociais e deste modo retribuir à sociedade o que dela recolhem. A Ideias & Desafios não é excepç&atil...

Bem-estar à la carte

Bem-estar à la carte


Há muito que a Albenture percebeu que o bem-estar dos trabalhadores é a base para o sucesso de qualquer empresa ou negócio. Foi com esta premissa que triunfou no mercado espanhol ...



DEIXE O SEU COMENTÁRIO





ÚLTIMOS EMPREGOS


Advogado

Anónimo

Advogado

Anónimo

asesor económico/comercial

Embajada en Lisboa