Notícias

Universidade Lusíada coopera com Alcatel

Universidade Lusíada estabelece parceria com a Alcatel para um Centro de Formação
13.01.2006


  PARTILHAR



Fernanda Pedro

A ALCATEL estabeleceu uma parceria com a Universidade Lusíada para a implementação do «Alcatel Partner Program», um programa de formação, especialização e certificação em tecnologias de comunicações. Este protocolo tem como principal finalidade preparar profissionais qualificados naquela área.

A certificação que a empresa estabelece, a «Alcatel Certified Switch Specialist», irá garantir aos alunos da Universidade Lusíada mais uma ferramenta para a inserção no mercado de trabalho. Com esta parceria, a Alcatel, através da divisão de solução empresariais irá fornecer à Universidade Lusíada um novo laboratório de comunicações, os respectivos suportes pedagógicos e conteúdos tecnológicos na área de voz e dados. Será assim criado o Centro de Formação Alcatel Autorizado.

De acordo com Rui Candeias Fernandes, presidente do conselho de administração da Alcatel em Portugal, «é frequente dizer-se que existe uma dissonância entre o mercado de trabalho e o mundo académico. O Alcatel Partner Program é uma iniciativa que procura, sobretudo, dotar os futuros profissionais do nosso mercado de competências teóricas e práticas em soluções de comunicação de última geração». O responsável adianta ainda que este programa fornece as ferramentas disponíveis mais actuais, integradas num laboratório tecnológico a ser utilizado quer por professores quer por alunos, e «uma certificação reconhecida internacionalmente».

A Universidade Lusíada fica habilitada a aplicar programas de formação de componente teórica e prática. Diamantino Durão, reitor da Universidade Lusíada, salienta que este projecto se, por um lado, alarga a oferta curricular das licenciaturas e de outras formações, por outro, permite aos alunos a possibilidade acrescida de ingressar no mundo do trabalho com uma certificação Alcatel. O reitor acrescenta também que, com esta parceria, a Universidade Lusíada irá formar alunos profissionalmente qualificados, sobretudo «de grande ‘know-how’ na área das tecnologias existentes e, assim, fortalecer o mercado com uma oferta ímpar ao nível de recursos humanos».





DEIXE O SEU COMENTÁRIO





ÚLTIMOS EMPREGOS


Advogado

Anónimo

Advogado

Anónimo

asesor económico/comercial

Embajada en Lisboa