Notícias

Procura de secretárias e administrativos aumenta

Procura de secretárias e administrativos aumenta

As empresas estão a reforçar as suas estruturas administrativas. Segundo dados da consultora de recrutamento Michael Page, os processos de seleção e recrutamento para funções de secretariado e serviços administrativos aumentaram no último ano cerca de 60% face a 2014. 

13.02.2016 | Por Cátia Mateus


  PARTILHAR



O maior volume de novas oportunidades na área administrativa é potenciado pelas multinacionais de consultoria. Em 2015, estas empresas foram responsáveis por 45% dos processos de recrutamento e seleção conduzidos pela Michael Page em Portugal. A consultora de recrutamento acaba de divulgar os dados de um balanço anual à evolução do mercado de trabalho nacional no sector de Secretariado & Administração, realizado no âmbito do Dia da Secretária, comemorado esta semana. Entre 2014 e 2015, as contratações nesta área registaram um acréscimo de 60%.

Segundo o levantamento realizado pela empresa de recrutamento e seleção de perfis especializados, Michael Page, além das multinacionais do sector da Consultoria, o crescimento da dinâmica de contratações na área administrativa (que a empresa enquadra na designação de Secretarial & Management Support) é sobretudo impulsionado pelas sociedades de advogados e pelo sector dos Centros de Serviços Partilhados. No primeiro caso, os grandes escritórios nacionais de advocacia foram responsáveis por 35% dos processos de contratação dinamizados em 2015. No segundo caso, os Centros de Serviços Partilhados a operar em solo nacional, congregaram 20% das intenções de contratação. Ana Castro Dias, Consultora Michael Page Secretarial & Management Support, confirma o incremento claro das contratações nesta área e o aumento da procura de perfis especializados nestas funções e enfatiza que “estas são também as tendências para o recrutamento nesta área em 2016”.

Entre os perfis mais procurados estão, segundo a especialista, o de Assistente Executiva (que constituem cerca 60% dos processos de recrutamento e são especialmente procuradas por empresas de Consultoria), o de Secretária de Administração, cuja transversalidade a todas as áreas de negócio leva a que constitua já 25% dos processos e o de Secretária Legal, maioritariamente procurados por sociedades de advogados, que representam nas contabilizações da Michael Page 15% dos processos. Numa análise sectorial, e tomando como referência comparativa o ano de 2014, os setores que mais contribuíram para o recrutamento nesta área foram o Farmacêutico & Saúde (19,8%), o Grande Consumo (16.1%) e o Financeiro (11,05%).

O perfil mais procurado foi o de Secretária de Direção, representando 48% dos processos. Em termos salariais, a Michael Page não regista grandes variações face a 2014: “a média salarial manteve-se em 2015 semelhantemente ao ano anterior, rondando os €21 mil/ano, cerca de €1.500/mês”, explica Ana Castro Dias. A consultora destaca que “a procura de perfis de secretariado executivo tem vindo a ser especialmente motivada pelo crescimento da área de Centros de Serviços Partilhado em Portugal, mas também pelo papel cada vez mais relevante assumido por estes profissionais: preponderante para a performance das empresas, que soma às funções tradicionais responsabilidades como gestão do economato, controlo de fornecedores externos e custos fixos, permitindo às empresas poupanças de mais de 40%”.

Esta relevância da área de secretariado para o desempenho da empresa comprova-se, por exemplo, na crescente procura de profissionais com experiência internacional ou até, garante Ana Castro Dias, pela condução de processos com componente internacional “que representaram ao todo 70% dos processos em 2015”. Ana Castro Dias chama ainda a atenção para o facto da formação superior vocacionada para a área ser cada vez mais valorizada pelos recrutadores. Em 62% dos processos para assessoria de direção que a Michael Page liderou no último ano, a formação superior era requisito obrigatório, bem como o domínio de pelo menos uma língua estrangeira.



OUTRAS NOTÍCIAS
Continente procura apps inovadoras

Continente procura apps inovadoras


O Continente voltou a lançar o alerta à comunidade académica nacional, mas também a startups e PME que atuem na área do desenvolvimento de aplicações e...

COTEC atrai jovens para carreiras de engenharia

COTEC atrai jovens para carreiras de engenharia


Promover o gosto pela engenharia e pela ciência em jovens estudantes, destacar a relevância da aprendizagem desta área de estudo no incentivo à inovação e empre...

VdA treina futuros advogados

VdA treina futuros advogados


Foi para desenvolver nos estudantes de Direito, futuros advogados, as soft skills necessárias ao exercício da profissão e, por esta via, complementar o conhecimento técnico...



DEIXE O SEU COMENTÁRIO





ÚLTIMOS EMPREGOS



ÚLTIMAS FORMAÇÕES


MMOG/LE V 5

RH OPCO Academia