Notícias

Porto apadrinha empreendedores

Porto apadrinha empreendedores

O Centro de Congressos da Alfândega do Porto volta a acolher a 12ª edição da Feira do Empreendedor, de 10 a 12 de Dezembro. A sustentabilidade está no centro de todas as atenções.
12.11.2009 | Por Cátia Mateus


  PARTILHAR



Mudança Global e Sustentabilidade" é o tema da 12ª edição da Feira do Empreendedor. O evento que há muito é ponto de paragem obrigatória para quem tem ambições de se lançar no seu próprio negócio, tem a chancela da Associação Nacional de Jovens Empresários (ANJE) que espera nesta edição, à semelhança do que vem acontecendo nas anteriores, atrair ao edifício do Centro de Congressos da Alfândega do Porto milhares de jovens cheios de espírito de iniciativa.

De 10 a 12 de Novembro, a cidade Invicta vai celebrar o empreendedorismo e apoiar todos os que queiram criar o seu próprio negócio. A Feira do Empreendedor, que conta com o apoio do Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP), volta a organizar-se segundo a lógica de uma grande cidade empresarial dividida em quatro bairros temáticos: Oportunidades e Franchising; Criação e Gestão de Empresas, Futuro e Multisectorial. Estes bairros agrupam um vasto conjunto de stands de empresas, entidades públicas e privadas com relevância para a promoção do empreendedorismo, apoio ao emprego e à qualificação profissional.

Segundo a organização do evento, "o certame pretende constituir uma exposição multisectorial, dando a possibilidade a mais de 100 empresas de apresentarem os seus produtos ou serviços". Entre os expositores é possível encontrar consultoras, empresas de recursos humanos e formação, instituições financeiras e bancárias, sociedades gestoras de fundos de capital de risco e garantia mútua, prestadores de serviços, TIC‘s, franchisadores, associações empresariais, institutos públicos de apoio ao investimento e à criação de emprego, incubadoras de empreass, entre diversos outros organismos.

Ao todo, são centenas de novas oportunidades de negócio disponíveis para quem queira investir. Mas de fora deste certame não ficam também outros elementos essenciais ao universo empresarial. O networking encontra aqui o seu palco privilegiado, uma vez que entre os 20 mil visitantes esperados no evento contam-se não só empreendedores como também estudantes, investidores, empresários e business angels.

No ano em que a ANJE assinala um percurso de 30 anos ao serviço do empreendedorismo nacional, o debate assume uma importância relevante nesta edição da feira que acolhe ainda a Conferëncia Nacional de Empreendedorismo. Trata-se, segundo a ANJE, de uma iniciativa complementar ao certame onde "o objectivo é desenvolver uma análise crítica do espírito empreendedor no país, reunindo um conjunto de pessoas com reconhecido mérito e know-how nas áreas académica, financeira, empresarial, associativa e de incubação de empresas". A conferência, designada de "Portugal Empreendedor" ambiciona ainda, de acordo com a associação, "constituir um ambiente propício ao debate e à troca de experiências que potenciem o desenvolvimento empresarial nacional.

Em cima da mesa estarão dois temas, eleitos como estratégicos para o empreendedorismo português: a incubação e a internacionalização. Temas estes que serão analisados sob a perspectiva do contributo dos centros empresariais, ninhos de empresas e demais infra-estruturas de apoio ao arranque de novos negócios, mas também na óptica dos case studys nacionais que ao longo destes 30 anos ajudaram a colocar Portugal na rota do empreendedorismo cá e lá fora.

A edição deste ano contará ainda com um ciclo de 21 conferências práticas intitulado "O Essencial sobre Empreendedorismo, Inovação e Emprego" e quatro sessões práticas sobre como criar um negócio específico. Argumentos e aliciantes de peso que voltam a fazer da Feira do Empreendedor o local obrigatório para quem quer contrariar a crise e lançar-se na aventura da vida empresarial.



OUTRAS NOTÍCIAS
Espaço Guimarães atraí milhares

Espaço Guimarães atraí milhares


Quando o desemprego aperta e o desespero cresce, existir um local que ofereça mais de dois mil postos de trabalho directos é quase um oásis no deserto. Por isso, não &eacut...

O mérito compensa

O mérito compensa


É um trabalhador exemplar, criativo, produtivo e inovador. Contribui para os resultados e o prestígio da sua empresa e é inquestionável o seu mérito. Ordem natural d...

ANJE fomenta empreendedorismo social

ANJE fomenta empreendedorismo social


A freguesia da Ameixoeira, em Lisboa, volta a ser palco — de 7 a 13 de Novembro — da Semana de Ideias e Negócios, promovida pela Núcleo Empreendedor Lig@te. A iniciativa, que soma j&aacu...



DEIXE O SEU COMENTÁRIO





ÚLTIMOS EMPREGOS


Arquiteto

Anónimo

Colaborador

Anónimo

Comercial / Diretor(a) Comercial

ERA BELÉM RESTELO & ERA ALCÂNTARA/AJUDA