Notícias

Os desafios do Direito do futuro

Os desafios do Direito do futuro

O mercado de trabalho está em mudança e mesmo nas áreas mais tradicionais como o Direito, há novas oportunidades e desafios a emergir para os jovens profissionais. A Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa vai debater o “Direito do Futuro”, no seu evento anual de empregabilidade e recrutamento, que decorre de 27 a 29 de outubro com o objetivo de aproximar os alunos dos recrutadores.

23.10.2015 | Por Cátia Mateus


  PARTILHAR



Alguns dos percursos profissionais tradicionalmente preferidos pelos estudantes de Direito estão a perder terreno para outros emergentes, como sejam as carreiras de juristas em contexto empresarial. Uma mudança de cenário que acompanha outras transformações que se têm feito sentir na área do Direito, em matéria de empregabilidade, e a que o Gabinete de Saídas Profissionais (GSP) da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa (FDUL) está atento, segundo Sara Santos que integra a equipa este gabinete e a sua equipa de Apoio ao Estudante. Na próxima semana, a FDUL volta a debater a problemática do emprego na área do Direito e estreitar a ligação dos seus alunos ao mercado de trabalho, com a quarta edição das Jornadas da Empregabilidade, sob o tema “Direito do Futuro”.

“A globalização e a constante mudança do Direito são fatores de peso nas opções de carreira dos jovens profissionais e que parecem deixá-lo perdido”, argumenta Romina Félix, também membro da equipa de Apoio ao Estudante que confirma que nos últimos anos ocorreram na área mudanças de peso com impacto na empregabilidade do sector, como “a concentração de escritórios e os reflexos da crise económica”. Porém, as responsáveis do GSP realçam também que “os novos meios de comunicação (portais e sites), aliados às novas modalidades de negócio que vemos nascer atualmente (startups), têm vindo a criar, por sua vez, novas áreas de emprego e novas oportunidades”. Sara Santos enfatiza mesmo que “tem-se registado um fenómeno de criação de departamentos jurídicos nas próprias empresas, diminuindo assim o recurso destas aos serviços das sociedades de advogados”. Questões que servirão de mote ao debate deste ano das Jornadas da Empregabilidade, com início na próxima terça-feira, 27 de outubro.

Mais perto do emprego
À semelhança das edições anteriores, o GSP da FDUL volta a convocar os seus alunos para três dias de reflexão em torno da temática da empregabilidade e da gestão de carreira, num evento onde além de vários debates será também realizada (a 29 de outubro) uma Feira de Emprego, onde mais de 50 recrutadores estarão a identificar talento na universidade. Segundo Sara Santos, a maioria dos alunos demonstram interesse em carreiras ligadas à advocacia e à magistratura, evidenciando-se também de forma crescente um maior interesse pela carreira de jurista de empresa. A responsável acrescenta ainda que “existem muitos alunos que chegam ao curso de Direito com a ambição de ingresso na Polícia Judiciária ou na carreira da Diplomacia, apresar das suas expectativas serem muitas vezes frustradas pela dificuldade no acesso a estas profissões”.

É papel do GSP sensibilizar os alunos e apoiá-los na integração laboral e Romina Félix destaca que esse apoio é visível não apenas na realização destas jornadas, mas também noutras iniciativas que o gabinete desenvolve ao longo do ano, desde parcerias com recrutadores para novas oportunidades de estágio e emprego, ao Portal de Emprego que a FDUL lançou este mês e “onde os estudantes podem encontrar ofertas e outras informações relativas à empregabilidade, possibilidade de manter um CV atualizado e candidatar-se online às oportunidades disponíveis”. Funcionalidades que, no fundo, serão também úteis durante as Jornadas da Empregabilidade. Realçam as responsáveis que as principais oportunidades de trabalho na área do Direito surgem ao nível das sociedades de advogados e consultoras, ainda que áreas como a do Notariado Banca ou entidades públicas e organizações internacionais e grandes grupos empresariais sejam também ativos na contratação de advogados. Serão também estes os principais recrutadores a marcar presença na edição deste ano das Jornadas e na Feira de Emprego.

“O balanço da iniciativa tem sido extremamente positivo”, explicam as responsáveis que confirmam a capacidade do evento cativar efetivamente os alunos. Na última edição mais de 200 estudantes participaram no evento. Este ano, o GSP espera superar este número. Além da Feira de Emprego que promoverá a aproximação e o contacto direto aos recrutadores, as Jornadas da Empregabilidade contemplarão vários painéis temáticos e a partilha de experiências por parte de representantes das diversas profissões jurídicas, contando com a presença de onze oradores que relatarão os seus percursos profissionais.?Entre os temas em debate no painel “Conversas à Mesa” destacam-se questões ligadas à elaboração de currículos, atitude em entrevista, emprego no estrangeiro, empregabilidade nas redes sociais e atividades extra-curriculares, contando com empresas como a Find, Randstad, Jerónimo Martins, True North e Macedo Vitorino & Associados. Já na “Hora do Sócio”, cinco sócios de sociedades de advogados vão partilhar as suas visões sobre os desafios de uma carreira na área.



OUTRAS NOTÍCIAS
Indústrias Criativas inspiram pós-graduação

Indústrias Criativas inspiram pós-graduação


A formação e qualificação dos profissionais foi a forma encontrada pela Escola Superior de Comunicação Social (ESCS) para dar resposta ao crescimento e din&ac...

Tecnologia e engenharias: o que procuram as empresas

Tecnologia e engenharias: o que procuram as empresas


Segundo a Comissão Europeia, em 2020, o velho continente terá um défice de cerca de 200 mil engenheiros de várias especialidades. Motor de desenvolvimento económico ...


"Temos de assumir os colaboradores como o motor do nosso sucesso”


Que análise faz da sustentabilidade da recuperação atual do mercado laboral? Após acentuado declínio, de 2008 a 2013, o mercado tem vindo gradualmente a recuperar, e...



DEIXE O SEU COMENTÁRIO





ÚLTIMOS EMPREGOS


ACCOUNTANT

Kelly Services Portugal

ACCOUNTS RECEIVABLE

Michael Page Portugal