Notícias

Inovar na área social

Inovar na área social

Chama-se Fundação+ e é a mais recente plataforma não-governamental portuguesa, criada com o intuito de estimular e apoiar novos negócios no domínio do empreendedorismo social. O projeto já está no terreno. 

03.01.2014 | Por Cátia Mateus


  PARTILHAR



Projetos inovadores, focados e orientados para a resolução de problemas da sociedade como a educação, o ambiente, a saúde, os direitos humanos ou os direitos dos animais, são a grande prioridade da recém-criada Fundação+. A plataforma posiciona-se no mercado como um facilitador de projetos de cariz social, procurando estimular a inovação e a criação de emprego em áreas onde, assegura Filipe Portela, um dos rostos do projeto, o mercado ‘tradicional’ ainda não oferece uma resposta às necessidades da sociedade.

Em termos práticos, “a Fundação+ procura fazer deste um mundo melhor, através dos empreendedores e da sua capacidade de transformar ideias em negócios”, explica Filipe Portela. O responsável explica que a plataforma procura fornecer aos empreendedores, todas as ferramentas necessárias - sejam elas financiamento, apoio na gestão e criação de um negócio, ou até no desenvolvimento da própria ideia - para que juntamente com o seu potencial, passarem da teoria à prática, contribuindo para melhorias efetivas no domínio social.

Esta startup criada em abril de 2013, tem como públicos-alvo “empreendedores ou quaisquer outras pessoas que queiram empreender na área ética/ social”, explica Filipe Portela. A criação do projeto foi norteada pela constatação de que “o terceiro sector necessita de uma maior profissionalização e, acima de tudo, uma maior auto-sustentabilidade financeira”, explica o responsável. Do leque de serviços que a Fundação+ atualmente disponibiliza, Filipe Portela, destaca o apoio profissional de consultoria e gestão, o coaching executivo, apoio jurídico e de Técnico Oficial de Contas (TOC), designers, acesso a redes de empreendedores, eventos de networking ou espaço de trabalho, entre outras valências. Em três anos, “a Fundação+ quer apoiar 100 projetos sociais e contribuir para, no mínimo, a criação de 250 postos de trabalho”, explica o responsável.

30 projetos já apoiados
A meta pode parecer ambiciosa, sobretudo no atual contexto nacional, mas Filipe Portela está confiante. “A cada dia que passa recebemos amis propostas, mais empreendedores, mais ideias e mais feedback positivo”. Segundo o líder da plataforma, “em termos de faturação ainda não há muitos resultados a apresentar, já que os projetos geradores de receita apenas em novembro iniciaram funções”. Porém, enfatiza, “a nossa plataforma de fundraising - Raise You Cause - conseguiu angariar cerca de €10.500 em apenas duas semanas”. A Fundação+ apoiou desde a sua criação, direta ou indiretamente, cerca de 30 projetos éticos/sociais, viabilizando dessa forma a criação de 90 postos de trabalho.

A plataforma funciona sustentada em três vertentes principais: Ferramentas (disponibilizadas através do produto Work+United); Exemplo e Apoio (assegurado através da plataforma de financiamento Raise Your Cause). Consciente de que um bom exemplo é o melhor cartão-de-visita, para demonstrar aos empreendedores o que é possível fazer nesta área, os fundadores da Fundação+ criaram a Laika, uma marca de comida premium para cão doméstico, utilizada como ferramenta para financiar associações que protegem animais abandonados. “Provamos que é possível ter impacto na sociedade, gerar receita, criando ao mesmo tempo sustentabilidade financeira ao projeto”, explica.



OUTRAS NOTÍCIAS
Winning forma novos analistas

Winning forma novos analistas


A Winning Management School arranca para 2014 com uma aposta estruturada na qualificação de profissionais na área da auditoria, com o lançamento do curso “Princ&iacut...

Quebras salariais penalizam menos qualificados

Quebras salariais penalizam menos qualificados


São os profissionais com menores qualificações quem mais paga a fatura da crise. Segundo o Survey Salarial 2014, realizado pela consultora EGOR, na altura de cortar salário...

Investimento brasileiro dinamiza Portalegre

Investimento brasileiro dinamiza Portalegre


A empresa brasileira Visiontech Medical Optics, especializada no fabrico de implantes oftálmicos vai instalar-se em Portalegre e já anunciou a intenção de viabilizar, atrav...



DEIXE O SEU COMENTÁRIO





ÚLTIMOS EMPREGOS


ACCOUNTS RECEIVABLE REPRESENTATIVE

Adecco Recursos-Humanos

CLINICAL RESEARCH ASSOCIATE

Adecco Recursos-Humanos

CORPORATE & ENVIRONMENT SPECIALIST

Adecco Recursos-Humanos