Notícias

Há empresas que protegem da austeridade

As recentes medidas de austeridade anunciadas pelo Executivo prometem levar os portugueses a apertar ainda mais o cinto já no próximo ano. Mas há organizações que já perceberam que política de baixos salários e a austeridade têm um impacto direto na produtividade e motivação dos colaboradores e minimizar a austeridade estão já a delinear programas de compensação e apoio para os seus recursos humanos.
28.09.2012 | Por Cátia Mateus


  PARTILHAR



O próximo ano promete ser o ano de todas as dificuldades para a generalidade das famílias portuguesas. Apesar do recente recuo na questão da Taxa Social Única (TSU), é já sabido que os portugueses vão ser novamente chamados pelo Governo a ajudar a equilibrar as contas públicas. Os cortes são esperados, a subida de mais impostos também. Mas segundo a Albenture, a empresa especializada nos serviços de conciliação de trabalho e família, já há organizações preocupadas em criar planos de apoio e compensação de modo a ajudar os seus colaboradores a enfrentarem a crise. A quebra de motivação dos colaboradores têm impacto direto na produtividade e as empresas sabem-no bem. Regina Cruz, a diretora da Albenture em Portugal, explica que “a situação atual pode ter repercussões não só na saúde dos colaboradores, como também no seu rendimento e produtividade dentro das empresas”. Segundo a especialista, “a sensibilidade e as ajudas por parte das empresas, sempre foram valorizadas pelos colaboradores e ganham agora uma importância muito maior”. Regina Cruz admite que as sucessivas políticas de austeridade que têm vindo a ser anunciadas pelo Executivo “levaram as empresas a tomar as rédeas do assunto e a preparar terreno para que os seus funcionários consigam atravessar o difícil panorama, sem perder a qualidade de vida”. Para 2013 é esperado um novo incremento da carga contributiva a que se somam os cortes já decididos anteriormente pelo Governo e justificados pelo esforço de todos em tempo de crise. Consciente de que este esforço está já a ter efeitos práticos nefastos no bem-estar e na vida dos portugueses, a Albenture estruturou um programa de apoio que tem vindo a ganhar a cada vez mais adeptos entre empresários e gestores com forte sensibilidade social. O programa proposto pela empresa contempla, conforme explica a diretora, apoio ao nível da planificação financeira e gestão do orçamento familiar, “oferecendo comparativos de produtos de acordo com as necessidades dos trabalhadores e ajudando-os a avaliar gastos e ganhos de forma a estruturar os mesmos e não ter surpresas perante os cortes iminentes”. Além deste apoio, as empresas estão também a disponibilizar aos colaboradores assessoria sobre ajudas, subsídios e vantagens fiscais que possam ajudar a minimizar os gastos, compensando os cortes trazidos pela crise, apoio psicológico gratuito para a gestão da ansiedade e do stress que derivam da situação de incerteza individual, mediação familiar, para resolver conflitos que possam surgir e até uma linha de apoio 24 horas para que os utilizadores destes serviços possam partilhar as suas preocupações. Regina Cruz esclarece que o recurso a este programa tem vindo a aumentar entre as empresas.


OUTRAS NOTÍCIAS
BES forma na universidade

BES forma na universidade


Arrancou em 2008 e depois do sucesso alcançado nas últimas edições, a Universidade Corporativa do BES prepara-se para lançar um novo programa de formação de executivos – o Executive Master BES – em pa...

60% das empresas querem manter o número de colaboradores

60% das empresas querem manter o número de colaboradores


As conclusões não podiam ser mais claras: o número de empresas que planeia cortes nos quadros aumentou 12% face ao ano anterior, mas a maioria das empresas (60%) ainda estão decididas a manter os cola...

Portucel duplica estágios em 2013

Portucel duplica estágios em 2013


O grupo Portucel Soporcel vai duplicar o número de vagas para estágios profissionais já no próximo ano. A empresa terá, a partir de Janeiro, 50 oportunidades de estágio para preencher em áreas tão div...



DEIXE O SEU COMENTÁRIO





ÚLTIMOS EMPREGOS


1 CHEFE DE UNIDADE DE RECURSOS HUMANOS

Autoridade da Concorrência (AdC)

1 ESTÁGIO CURRICULAR EM GESTÃO DO ARQUIVO

Autoridade da Concorrência (AdC)