Notícias

Danone vai à escola

A empresa desafia cinco universidades portuguesas
28.10.2005


  PARTILHAR




Cátia Mateus

A DANONE vai «caçar» os seus futuros quadros nas universidades portuguesas. Para tal, prepara-se para trazer para Portugal o TRUST, um jogo de gestão simulado, dirigido a estudantes universitários e pensado numa tripla vertente: a do recrutamento; a da divulgação do modelo de negócio da companhia e o estreitar da sua relação com o mundo académico.

O jogo foi criado pelo grupo Danone em 2003 e chega agora a Portugal, depois de testado além-fronteiras. O desafio é gerir uma nova unidade de negócios da Danone na América Latina e a partir daqui a empresa espera conseguir recrutar, no meio universitário nacional, os quadros com melhor perfil nesta função. Sob o lema, «não percas a oportunidade de experimentar hoje a forma como irás gerir o amanhã», 10 equipas com cinco estudantes finalistas ou pré-finalistas vão assumir a gestão da empresa, definindo o seu plano estratégico e criando cenários de confiança para os accionistas.

Desde 2003 que o TRUST é desenvolvido a nível internacional pela Danone. A edição 2004 envolveu 3400 estudantes de 37 universidades. Este ano conta já, segundo a empresa, com «candidaturas de 827 equipas, com 4135 estudantes de 45 universidades». A organização realça que em competição estarão equipas de 13 países, algumas de mercados emergentes como a China e a Rússia, mas também mercados mais amadurecidos como a Inglaterra e Espanha.

Em Portugal, a Danone convidou cinco universidades para participarem neste projecto: Instituto Superior Técnico, Universidade de Coimbra, Faculdade de Economia da Universidade do Porto, Faculdade de Economia da Universidade Nova de Lisboa e Universidade Católica de Lisboa. Estas instituições poderão enviar os seus alunos para a competição.

Considerada em 2003, pela revista «Fortune» como uma das dez melhores empresas europeias para trabalhar, a Danone encontra neste jogo uma forma de estreitar o seu relacionamento com o meio académico. Em comunicado, a empresa faz saber que «o jogo oferece a centenas de estudantes a oportunidade de aprenderem mais sobre o mundo da indústria alimentar e sobre o universo e a cultura do Grupo Danone».

Por sua vez, «para a companhia é a oportunidade para detectar novos talentos e fortalecer a sua presença junto das Universidades». Paralelamente, em termos organizacionais, a Danone revela que esta iniciativa tem também o objectivo de partilhar e implementar no grupo as melhores práticas de cada país e os melhores procedimentos de cada unidade, numa cultura comum e global.

As 13 equipas vencedoras das edições nacionais vão apresentar os seus projectos em Paris ao presidente e CEO da Danone, Franck Riboud, em Abril de 2006. A Danone tem cerca de 320 colaboradores, 180 dos quais na sua unidade fabril portuguesa, em Castelo Branco.





DEIXE O SEU COMENTÁRIO





ÚLTIMOS EMPREGOS


Arquiteto

Anónimo

Colaborador

Anónimo

Comercial / Diretor(a) Comercial

ERA BELÉM RESTELO & ERA ALCÂNTARA/AJUDA