Notícias

Beira Interior mais empreendedora

Bi Inova junta empresariado ao mundo académico
22.12.2005


  PARTILHAR



Maribela Freitas

ASSOCIAÇÕES empresariais, instituições de ensino superior e duas autarquias da Beira Interior, uniram-se em torno de um projecto que visa promover a cultura empreendedora nesta região. O Bi Inova (assim se designa o projecto) dirige-se a um público variado e pretende fixar a população e criar emprego. Está a ser realizado ao abrigo do programa comunitário Equal e resulta de uma parceria estabelecida entre a Associação Empresarial da Região de Castelo Branco (NERCAB), o Núcleo Empresarial da Região da Guarda, as Câmaras Municipais de Castelo Branco e da Guarda e os Institutos Politécnicos existentes nestas duas cidades.

«O Bi Inova assenta em três pilares: autárquico, do conhecimento e iniciativa empresarial. É com este triângulo que pretendemos dinamizar a cultura empreendedora», explica Benjamim Rafael, director executivo do NERCAB, que é a entidade interlocutora deste projecto.

A ideia base do Bi Inova é promover o empreendedorismo no seio académico e empresarial, e contempla uma série de objectivos. Desde logo, pretende criar um ensino superior promotor do empreendedorismo e valorizar acções inovadoras e competitivas que mobilizem competências escolares e profissionais com o objectivo de aproximar a escola do tecido empresarial. É que, para Benjamim Rafael, «o meio académico está afastado da realidade do mundo empresarial».

Além disso, o Bi Inova quer ainda disponibilizar apoio técnico, logístico e financeiro à criação de novas empresas e ao seu desenvolvimento e maturação no mercado e dar aos empresários e potenciais investidores um serviço de apoio rápido e com qualidade.

Este projecto vai estar em acção até meados de 2007 e destina-se a um público tão diferenciado como docentes universitários, alunos do ensino superior, jovens empreendedores, tecido empresarial local a criar e existente, institutos politécnicos, câmaras municipais e associações empresariais.

Para colocar em prática os objectivos a que se propõe, o Bi Inova vai implementar concursos de empreendedorismo e «workshops» em meio académico. desenvolver-se-á uma bolsa de ideias inovadoras e tecnológicas, e serão realizadas acções de formação e visitas de estudo.

Pretende-se ainda constituir uma rede de tutores e acções de consultoria, criar acções de formação direccionadas para jovens empresários, «workshops» de sensibilização sobre empreendedorismo em ambiente empresarial e dinamizar um sistema de financiamento e criação de um gabinete de apoio às iniciativas empresariais.





DEIXE O SEU COMENTÁRIO





ÚLTIMOS EMPREGOS


AR ITALIANO

Experis Finance, Tax & Legal

CONTROLLER DE GESTÃO INDUSTRIAL

Spring Professional Portugal