Notícias

UBI promove ligação ao mercado laboral

30.04.2004


  PARTILHAR





Cátia Mateus

NUMA altura em que a taxa de desemprego entre os licenciados assume valores preocupantes, agravados muitas vezes pela questão da interioridade, a Universidade da Beira Interior (UBI), sedeada na Covilhã, propõe-se ajudar os jovens estudantes a ultrapassar as barreiras de comunicação que os separam da inserção na vida activa. Esta instituição de ensino superior, através da sua associação académica (AAUBI) e do gabinete de saídas profissionais, promove durante a próxima semana - de 5 a 8 de Maio - a segunda edição da Feira de Emprego da Beira Interior (FEBI).


O pólo de engenharias da UBI acolhe durante quatro dias um evento que, apesar de somar apenas duas edições, é já uma referência regional em matéria de apoio à integração no mercado de trabalho.

A FEBI 2004 colocará ao dispor da comunidade estudantil e da sociedade em geral um conjunto de ferramentas essenciais para vencer o desemprego e aceder ao mundo laboral, agora acentuado pelas repercussões da conjuntura económica desfavorável que afectou o país nos últimos anos.

Para a AAUBI, "o objectivo desta iniciativa é desenvolver as relações entre o tecido empresarial e os jovens licenciados e finalistas". Os responsáveis pela organização do evento acreditam que "a realidade social que o país atravessa, e em concreto a região da Beira Interior, levam a que a realização deste tipo de iniciativas seja cada vez mais preponderante para os estudantes e em particular para os recém-licenciados".

Neste contexto, a FEBI resulta de uma parceria entre a UBI e várias instituições de ensino superior da região como o Instituto Politécnico da Guarda (IPG) e o Instituto Politécnico de Castelo Branco (IPCB). A meta é que este evento se torne numa forma simples e directa de dar a conhecer oportunidades de emprego aos jovens estudantes e recém-licenciados.

Na feira estarão presentes 22 "stands" que difundirão informação sobre o mercado local de trabalho, as novas oportunidades e metodologias de integração na vida activa. Locais onde o candidato a emprego poderá dar-se a conhecer deixando o seu currículo.

À iniciativa, associaram-se entidades como o Instituto Português da Juventude; Instituto de Emprego e Formação Profissional; INATEL; Ordem dos Engenheiros; Cruz Vermelha Portuguesa, Força Aérea; Núcleo Empresarial da Região da Guarda (NERGA) ou Núcleo Empresarial da Região de castelo Branco (NERCAB). Além destas entidades estarão representadas empresas comerciais e de recursos humanos.

Segundo a AAUBI, "verificou-se um aumento considerável na participação das diversas entidades e empresas na Feira de Emprego". A associação adianta ainda que "na última edição da feira, a maioria dos licenciados que entregaram o seu currículo nos 'stands' presentes encontrou emprego".

Aveiro dá exemplo

A APOSTA na realização de feiras de emprego como forma de estreitar a ligação entre os estudantes e as entidades empregadoras é uma tendência em evolução no país.

A par da FEBI 2004, promovida pela UBI, também a Universidade de Aveiro (UA) promove a sua Feira de Emprego. Entre 4 e 6 de Maio, o Campus Universitário de Santiago é o palco privilegiado para a inserção na vida activa.

Nesta que é a quarta edição da Feira de Emprego da UA estarão representadas mais de uma dezena de empresas, associações sectoriais e agências de recrutamento.

Além das empresas, estarão também presentes uma entidade representativa de 17 associados do sector da Electrónica e Telecomunicações (INOVA-RIA), vários organismos ligados à formação e emprego, bem como agências de recrutamento e selecção especializadas em diversas áreas.

Em comunicado, a UA fez saber que "a feira tem como objectivo central a promoção do diálogo entre os finalistas e recém-licenciados e os potenciais empregadores".

O certame integra também uma componente formativa já que, paralelamente ao evento, várias entidades ligadas à formação vão dar a conhecer aos estudantes técnicas de procura de emprego e programas de estágio nacionais e estrangeiros.





DEIXE O SEU COMENTÁRIO





ÚLTIMOS EMPREGOS


AR ITALIANO

Experis Finance, Tax & Legal

PROJECT COORDINATOR

Michael Page Portugal