Notícias

Totta financia bolsas de estudo

13.01.2006


  PARTILHAR



Fernanda Pedro

A Universidade de Coimbra e o Banco Santander Totta estabeleceram um protocolo com vista a proporcionarem 10 bolsas a alunos e docentes originários dos países de expressão portuguesa ou da América Latina que pretendam estudar na Universidade portuguesa. As bolsas de estudo Totta prevêem igualmente que alunos e docentes da Universidade de Coimbra que queiram frequentar estabelecimentos de ensino nos países de língua de portuguesa ou no espaço ibero-americano possam também ser contemplados.

Este programa visa fomentar o intercâmbio cultural entre os vários países. A atribuição das bolsas, no caso de docentes e investigadores, tem como critério o mérito académico, a motivação e o potencial do programa de trabalhos apresentado. As candidaturas devem ser concretizadas até ao dia 1 de Março.

De acordo com informações recolhidas junto do Banco Santander Totta, em 2005 foram escolhidos seis estudantes e docentes brasileiros para frequentarem a Universidade de Coimbra além de quatro investigadores que pretendem sair do país. Dois deles irão para Cabo Verde, nomeadamente para o Instituto Superior de Educação. Um frequentará a Universidade de São Paulo, no Brasil, e outro a Universidade Eduardo Mondlane, em Moçambique. O montante das bolsas é de 30 mil euros.

O convénio entre as duas instituições prevê também o desenvolvimento de projectos no âmbito do mecenato e a atribuição anual do prémio Universidade Coimbra, que tem como objectivo galardoar uma individualidade nacional que se tenha distinguido nos campos da cultura ou da ciência e outros projectos nos domínios do apoio ao empreendedorismo, informatização e divulgação científica.





DEIXE O SEU COMENTÁRIO





ÚLTIMOS EMPREGOS


Advogado

Anónimo

Advogado

Anónimo

asesor económico/comercial

Embajada en Lisboa