Notícias

Professores à espera

23.07.2004


  PARTILHAR




João Barreiros

DEPOIS de várias semanas de espera, os professores que decidiram este ano mudar de escola, participando no concurso nacional, ficaram a saber que vão ter de esperar mais algum tempo para saberem qual o seu futuro.

Os prometidos resultados do concurso chegarão, em princípio, no mês de Agosto, inevitavelmente o mês de férias para a maior parte dos docentes, porque o calendário de exames e de reuniões a isso obriga.

As consequências deste atraso só serão vistas mais à frente, em princípio no recomeço das aulas. O enorme falhanço do concurso vai obrigar famílias inteiras a reponderarem o seu período de descanso - um eventual pedido de correcção obriga, no mínimo, à deslocação até à escola mais próxima. Não seria possível dar mais eficácia a este processo, simplificando o concurso de professores?





DEIXE O SEU COMENTÁRIO





ÚLTIMOS EMPREGOS


1 estagiário

INPI Instituto Nacional da Propriedade Industrial

COLABORADORES

ERA BELÉM/RESTELO - ERA ALCÂNTARA/AJUDA

COLABORADORES

RE/MAX MAJESTIC