Notícias

Portucalense aposta na área do Direito

Portucalense aposta na área do Direito

A Universidade Portucalense (UPT), sedeada no Porto, está a apostar na área do direito. Acaba de criar três novos short masters agendados para o início do próximo ano que têm como objetivo fomentar uma maior ligação às empresas e potenciar novas saídas profissionais para esta área de trabalho.
08.12.2011 | Por Maribela Freitas


  PARTILHAR



Direito dos negócios, da empresa e dos negócios transnacionais são as três especializações criadas pela UPT que aliam a área do direito à componente de gestão e negócios, numa ligação que pretende antecipar as crescentes necessidades de regulação jurídica das relações comerciais das empresas. Cada um destes cursos tem 25 vagas, durará um trimestre e ocorrerão de forma sequencial. Manuela Magalhães Silva, diretora do departamento de direito da UPT conta que “quisemos organizar cursos breves sobre temas social e economicamente relevantes que podem ser frequentados sucessivamente ou com o intervalo que o estudante pretender. Quem frequentar os três fica com uma visão muito mais ampla sobre o direito que interessa à vida económica”. Para além disso a frequência dos três cursos dá equivalência à parte curricular do curso de mestrado. Face à atual conjuntura económica, esta formação avançada surge, na opinião de Manuela Magalhães Silva, como uma nova saída do direito, face às tradicionais, mais saturadas. “A ideia é que os licenciados ganhem uma preparação em direito da economia que as licenciaturas, por norma generalistas, não podem dar”, salienta. Advogados, juristas, solicitadores, consultores, empresários, gestores, administradores e outros interessados, dependendo da respetiva avaliação curricular, são o público-alvo destes cursos. “Esperamos que os advogados ganhem competências úteis para entenderem a vida jurídico-económica e que os magistrados fiquem mais aptos para julgar essas matérias. A vida económica progride e adota formas novas permanentemente. Os juristas têm de acompanhar esta evolução”, salienta a diretora do departamento de direito da UPT. O Direito da empresa vai incidir em temas ligados à organização e funcionamento das empresas, aprofundando os seus aspetos estruturais, para que sejam capazes de dar respostas consistentes e rápidas no âmbito das suas relações comerciais. Já o direito de negócios vai debruçar-se sobre os instrumentos da contratação comercial e da resolução de alternativa de litígios. Por último, o direito dos negócios transnacionais centrar-se-á na resolução de problemas de regulação jurídica no âmbito dos contratos comerciais internacionais. A UPT atribuirá um prémio equivalente à propina de frequência e um prémio empresarial ao aluno que obtiver a melhor classificação em cada uma das formações. Na perspetiva de Manuela Magalhães Silva, com o grande número de advogados que existirá no futuro, o mercado de trabalho será cada vez mais competitivo e só os profissionais mais aptos vão sobreviver. Acredita que Portugal precisa de advogados que ultrapassem a área do direito pura e dura e estejam aptos para aconselhar todos os agentes económicos. “Vai ser mais necessário que os juristas regressem às faculdades ao longo da vida. Os profissionais que entenderem o sistema e se esforçarem como ele recomenda, vão vencer”, finaliza.


OUTRAS NOTÍCIAS
Galileu investe nas soft skills

Galileu investe nas soft skills


Promover o conhecimento das pessoas e organizações é, há já largos anos, a missão da Galileu, uma empresa especializada em formação que está a investir forte na partilha de conhecimentos e treino das ...

Aumenta o recrutamento nas vendas

Aumenta o recrutamento nas vendas


Vendedores e demais profissionais ligados ao sector do comércio lideram este mês o ranking dos mais procurados pelas empresas anunciantes do Expresso Emprego. Ao contrário do que t...

Governo anuncia plano para o empreendedorismo

Governo anuncia plano para o empreendedorismo


Carlos Oliveira, o secretário de Estado para o Empreendedorismo, Competitividade e Inovação, anunciou para este mês a apresentação do Programa Nacional para o Empreendedorismo e Inovação, pensando par...



DEIXE O SEU COMENTÁRIO





ÚLTIMOS EMPREGOS


COMERCIAL - CONSTRUÇÃO CIVIL - ZONA NORTE

Spring Professional Portugal

CONTABILISTA CERTIFICADO

Spring Professional Portugal

CONTABILISTA CERTIFICADO

Spring Professional Portugal