Notícias

Não se esqueçam do espanhol

16.05.2003


  PARTILHAR




Vítor Andrade
vandrade@mail.expresso.pt

O INGLÊS ainda é a língua universal dos negócios mas, para nós, portugueses, a aprendizagem do castelhano pode significar a diferença entre conseguir um emprego ou ficar sem ele.

Numa escala mais acima, pode mesmo querer dizer que se soubermos "hablar" aquele língua faremos bons negócios, e se não a dominarmos podemos não os conseguir.

Não se trata de alimentar qualquer espécie de complexo nacionalista - ou de inferioridade e subjugação em relação ao nosso parceiro geográfico - mas sim de dar forma a uma vantagem competitiva sobre os "nuestros hermanos", com quem vamos obrigatoriamente de ter que conviver e negociar por muitos e muitos anos.

Isto mesmo foi sublinhado por Fernando Ulrich, vice-presidente do BPI, numa conferência realizada na passada semana em Lisboa. "Se dominarmos a língua deles, talvez possamos dominar alguns negócios ibéricos", conclui. Concordo, e assino por baixo.





DEIXE O SEU COMENTÁRIO





ÚLTIMOS EMPREGOS


ACCOUNTING TEAM LEADER - MAIA

Kelly Services Portugal

CFO

Winpower - Boost local energy