Notícias

Investigar mais

Há 25 bolsas de estudo disponíveis para os mais aptos
06.01.2006


  PARTILHAR



Maribela Freitas

ATÉ ao dia 20 de Janeiro vão estar abertas as candidaturas a bolsas para acções de formação no estrangeiro da Fundação Luso-Americana para o Desenvolvimento (FLAD). O objectivo desta acção é estimular a investigação científica.

Estas bolsas visam o financiamento de estágios em universidades, instituições de investigação ou empresas, preferencialmente nos Estados Unidos da América. Os estágios devem incidir sobre temas inovadores em termos científicos ou tecnológicos, contribuir para a aproximação de instituições portuguesas e norte-americanas com o intuito de fomentar a transferência tecnológica e incrementar a rede de conhecimentos entre os dois países. «As bolsas visam a investigação ou o aprofundamento de uma tecnologia», explica Fernando Durão, secretário-geral da FLAD.

Os candidatos a estas bolsas de estágio deverão ter a sua licenciatura terminada e estar vinculados a uma universidade, instituição de investigação ou empresa. «Este requisito é importante na medida em que se os bolseiros estiverem enquadrados em Portugal, tenderão a regressar e trazer consigo a tecnologia desenvolvida, de forma a que se verifique uma transferência do saber», salienta Fernando Durão.

Ao todo vão ser atribuídas 25 bolsas e, na altura da candidatura, os interessados deverão apresentar um programa de actividade. Serão consideradas prioritárias para atribuição das bolsas áreas como engenharias, física, química, matemática, biologia, economia, ciências médicas e do ambiente. A duração do estágio deverá ser superior a um mês e não deve exceder um ano.





DEIXE O SEU COMENTÁRIO





ÚLTIMOS EMPREGOS


ANALISTA DE SISTEMAS NAVISON

Spring Professional Portugal

CONSULTOR ERP

Spring Professional Portugal

CONSULTOR SAP LO/PP

Spring Professional Portugal