Notícias

Estudos nos EUA mais acessíveis

11.07.2003


  PARTILHAR




Maribela Freitas

O CENTRO de Informação Fulbright da Comissão Cultural Luso-Americana - conhecida por Comissão Fulbright - está desde o início do mês sediado na reitoria da Universidade de Lisboa (UL).

Este organismo destina-se a dar informações sobre os estudos nos Estados Unidos da América (EUA), país que nos últimos anos tem atraído um maior número de estudantes graduados portugueses para a continuação da sua formação e desenvolvimento de projectos de investigação.

A instalação deste centro na UL foi concretizada através da assinatura de um protocolo entre o reitor daquela universidade e o embaixador dos EUA, presidente honorário da Comissão Fulbrigth.

Além de informar sobre as possibilidades de estudar nos Estados Unidos, o centro vai também disponibilizar material de divulgação do programa de bolsas Fulbright. Terá também livros que os estudantes poderão consultar e irá vender material de preparação para testes aos alunos que elegerem este país como destino de formação.

Ainda ao abrigo deste protocolo, a comissão garante prioridade no acesso às acções de formação Fulbrigth, aos funcionários e docentes da UL.

Esta comissão tem por objectivo estreitar relações entre Portugal e os EUA, através de intercâmbios culturais e a concessão de bolsas.

No texto do protocolo assinado atesta-se que os EUA têm sido nos últimos anos o destino predilecto dos portugueses para continuarem os seus estudos e investigação.

De acordo com dados da comissão Fulbright, desde 1960, mais de 1000 professores e estudantes portugueses e cerca de 650 americanos receberam bolsas Fulbright, através desta comissão.

Criado em 2001, o Centro de Informações Fulbright recebe cerca de oito mil pedidos de informação por ano e entre 750 a 850 portugueses do ensino superior vão estudar para os EUA.

Cerca de cinco mil boletins de inscrição e materiais de preparação para testes de admissão às universidades norte-americanas são distribuídos anualmente pelo Centro de Informações Fulbright.

Com esta nova localização, o centro quer abranger um maior leque de áreas de acção e dar uma resposta mais rápida aos pedidos de informação.

Entre outros objectivos, o novo centro Fulbright quer constituir uma rede de "especialistas em informação sobre estudos nos EUA", que contribuirá para a internacionalização das instituições de ensino superior portuguesas, através de uma estratégia de descentralização e multiplicação dos serviços prestados.





DEIXE O SEU COMENTÁRIO





ÚLTIMOS EMPREGOS


AR ITALIANO

Experis Finance, Tax & Legal

CONTROLLER DE GESTÃO INDUSTRIAL

Spring Professional Portugal