Notícias

Estudos Curatoriais arrancam em Belas Artes

28.11.2003


  PARTILHAR




Maribela Freitas

EM JANEIRO de 2004 terá início na Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa um mestrado em estudos curatoriais. Destina-se a artistas, historiadores de arte e a outros profissionais das ciências sociais e humanas, e visa dar formação numa área que cada vez tem mais expressão no mundo actual.

O desenvolvimento da arte contemporânea, no sentido de criar ligações entre os criadores, a formação artística, os museus e os públicos da cultura, está muito ligado à criação de competências na área de curadoria de exposições.

Este foi um dos motivos que levou a Faculdade de Belas Artes e a Fundação Calouste Gulbenkian a avançar com este curso. Contudo, a história deste mestrado remonta aos anos de 1991/92, quando estas duas instituições desenvolveram uma pós-graduação sobre o tema.

"Nessa altura a ideia era começar com os estudos pós-graduados e avançar para o mestrado", explica José António Fernandes Dias, um dos coordenadores do curso. Ao fim de dez anos e depois de vários pedidos de bolsas para estudar estas matérias no estrangeiro, estas instituições resolveram avançar.

"Este mestrado é único no país e só existem mais quatro na Europa. O objectivo é criar uma formação com o mesmo gabarito das que se encontram lá fora e que passe a ser uma referência", salienta José António Fernandes Dias.

O coordenador refere ainda que "além dos licenciados, a formação está aberta a quem apresente um currículo profissional firmado na área". É que, para este responsável "existe necessidade de curadores em Portugal, de pessoas com formação para desempenhar esta função".





DEIXE O SEU COMENTÁRIO





ÚLTIMOS EMPREGOS


ARQUITETO GRÂNDOLA

Michael Page Portugal

ASSISTANT STORE MANAGER BEJA

Michael Page Portugal

ASSISTANT STORE MANAGER PORTALEGRE

Michael Page Portugal