Notícias

Custo de trabalho é baixo em Portugal

22.04.2005


  PARTILHAR




Cátia Mateus

PORTUGAL tem os custos de trabalho mais baixos da Europa dos 15. A conclusão é avançada pela Mercer Human Resources Consulting e tem por base um estudo comparativo das remunerações nos vários países da UE. Abaixo dos custos laborais portugueses (na ordem dos 18,889 euros anuais) só figuram os praticados nos países da Europa de Leste.

É na Bélgica que o custo anual do trabalho atinge o seu valor máximo, totalizando 53,577 euros. Ainda segundo o mesmo relatório, logo a seguir estão a Suécia (52,800 euros), a Alemanha (50,445 euros), o Luxemburgo (49,752 euros) e o Reino Unido (46,541 euros). O país onde o custo de trabalho é mais baixo é a Letónia, onde o valor não excede os 4,753 euros.

Em termos médios, o custo laboral dos países da UE ronda os 28,269 euros. Talvez por isso, para a Mercer seja evidente a vantagem competitiva que os países de Leste têm sobre o Ocidente, «motivando a transferência de muitas empresas para estes países onde o custo de trabalho é substancialmente mais baixo», explica o relatório.

De acordo com o documento divulgado pela Mercer, os custos laborais da UE são cerca de 15% inferiores aos dos Estados Unidos. O cálculo do custo laboral engloba factores como o salário médio nacional, a segurança social e outros benefícios obrigatórios ou voluntários, como sejam as pensões, planos de saúde e benefícios de invalidez.





DEIXE O SEU COMENTÁRIO





ÚLTIMOS EMPREGOS


BUSINESS ANALYST - BI FINANCE

Spring Professional Portugal

CAMPAIGN MANAGER

Michael Page Portugal