Notícias

BIZness Preview apoia projetos em Aveiro

Minimizar a taxa de mortalidade das empresas nacionais passa por identificar atempadamente os riscos associados à sua implementação. Portugal tem agora um novo gabinete de apoio ao empreendedor, especializado no controle de riscos: o BIZness Preview.
08.12.2011 | Por Cátia Mateus


  PARTILHAR



Em Portugal a taxa média de sobrevivência das empresas ao fim de um ano de atividade é de 73%. Uma percentagem que ainda que seja elevada, permanece abaixo da média dos países da OCDE onde os números rondam os 80%. E o fosso torna-se ainda maior no final de dois anos. A taxa de mortalidade das empresas portuguesas 24 meses depois da sua criação é de 46%, enquanto na OCDE, só 27% dos negócios não subsistem. Para os especialistas, minimizar esta taxa de mortalidade empresarial passa, acima de tudo, por identificar atempadamente os riscos associados à implementação de uma ideia de negócio e foi com esse mesmo propósito que nasceu em Aveiro o BIZness Preview, um gabinete de apoio ao empreendedor, desenvolvido pelas Talent Universities New Leaders (IPAM - The Marketing School e IADE - Creative University). Está implantado em Aveiro, uma das regiões do país mais afetadas pelo desemprego e que integra o concelho com maior taxa de desemprego nacional - Espinho. O BIZness Preview foi pensado para apoiar empreendedores e minimizar o risco de investir na criação do autoemprego e, por isso, assume também como missão combater estas taxas de desemprego locais. As portas desta nova estrutura de apoio à iniciativa empresarial estão abertas desde o início do mês e, segundo Caetano Alves, presidente das Talent Universities New Leaders, mentoras do projeto, “a estrutura que é gratuita e exclusiva para os empreendedores residentes no concelho de Aveiro, tem como missão ajudá-los a tomar decisões mais ponderadas e informadas, identificando atempadamente os riscos associados à implementação de uma determinada ideia de negócio”. O gabinete está localizado no edifício do IPAM e “recebe qualquer promotor de ideia que desenvolva propostas de valor, dando-lhe um feedback credível e realista quanto ao potencial do seu projeto, antes de tomar a decisão de constituir uma sociedade ou empregar os seus bens numa garantia bancária para obter um empréstimo”, revela o presidente acrescentando o valor deste projeto para a comunidade local. A ideia de criar o BIZness Preview surgiu a partir da análise da forma como o empreendedorismo é incentivado em Portugal e da constatação de que apesar de se organizarem dezenas de concursos nacionais e de se incentivar à criação de empresas, “não existe a sensibilidade e muito menos a responsabilidades destes organismos em informar, concretamente e de forma personalizada, sobre as implicações da decisão de criar um projeto empresarial próprio”, reforça Caetano Alves que diz acreditar que “este gabinete é um pequeno passo, mas fundamental para que outras organizações partilhem este espírito de ver, rever e voltar a ver, não só as ideias de negócio, mas também as condições pessoais e económicas dos promotores para que se estes não alcançarem o sucesso na primeira tentativa possam ter recursos para voltar a empreender”. Os resultados deste programa só surgirão a médio prazo. O gabinete está, para já, preparado para assegurar a resposta a 30 solicitações de análise mensais, garantindo que desde o primeiro contacto até à entrega de um dossier completo de orientação não passarão mais de 25 dias úteis. Caetano Alves acredita que ainda este ano, a estrutura conseguirá ajudar 200 promotores a validar a sua ideia, mas assume como meta que “em 2014 seja possível garantir a sobrevivência de pelo menos 80% das sociedades cuja constituição foi incentivada pelo gabinete”.


OUTRAS NOTÍCIAS
Um negócio ao serviço dos mais novos

Um negócio ao serviço dos mais novos


André Albernaz Delgado tem 28 anos e é licenciado em educação especial e reabilitação e mestre em psicologia comunitária e proteção de me...

Menos incrementos salariais para o sector segurador no próximo ano

Menos incrementos salariais para o sector segurador no próximo ano


Os profissionais ligados ao sector segurador também vão sentir a crise que já chegou à generalidade dos portugueses. Pelo menos a avaliar pelos resultados do estudo Mercer Total Compensation para este...

Portucalense aposta na área do Direito

Portucalense aposta na área do Direito


Direito dos negócios, da empresa e dos negócios transnacionais são as três especializações criadas pela UPT que aliam a área do direito à componente de gestão e negócios, numa ligação que pretende ant...



DEIXE O SEU COMENTÁRIO





ÚLTIMOS EMPREGOS


ACCOUNTANT BANKING SECTOR-PSA BANK

Spring Professional Portugal

ARCHITECT / PROJECT MANAGER

Michael Page Portugal

ASSISTANT ACCOUNTING CONTROLLER

Spring Professional Portugal