Notícias

Ambição, precisa-se

14.01.2005


  PARTILHAR




Vítor Andrade

POBRE país o nosso. Os bons profissionais com reconhecidas aptidões políticas ou não têm sentido de Estado ou falta-lhes paciência para o exercício do serviço público.

Muitos dos nossos profissionais de excepção, com raras qualidades de gestão, saem do país e radicam-se no estrangeiro, contribuindo com a sua sabedoria e o seu saber fazer para o progresso dos países que os acolhem.

Mas como não há duas sem três, alguns dos nossos melhores gestores que, apesar de tudo, ficam por cá preferem continuar ao serviço das grandes corporações multinacionais que representam e não arriscam na sua própria capacidade de iniciativa, através da criação de negócios próprios. Ajudam a gerar riqueza, é certo, mas contentam-se com um ordenado. Falta-nos ambição. Mas falta-nos a todos.

 

 

 





DEIXE O SEU COMENTÁRIO





ÚLTIMOS EMPREGOS


ADVOGADO(A) PRIVATE CLIENTS

Michael Page Portugal

ANALISTA SAP - TORRES VEDRAS

Michael Page Portugal

AREA SALES MANAGER - PORTUGAL

Michael Page Portugal