Notícias

Acertar o Rumo volta a promover a empregabilidade nas TI

Acertar o Rumo volta a promover a empregabilidade nas TI

A iTGrow, em parceria com a Universidade de Coimbra e o IEFP já estão a receber candidaturas para a quarta edição do programa de qualificação tecnológica Acertar o Rumo. Na primeira edição o programa assegurou 100% de empregabilidade aos seu participantes.

09.06.2016 | Por Cátia Mateus


  PARTILHAR



Poucos argumentos serão tão aliciantes como um número redondo: 100% de empregabilidade. Mas a tecnológica iTGrow, uma empresa do Grupo Critical Software e do BPI, e os seus parceiros a Universidade de Coimbra e o Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP), garantem que este não é o único trunfo do programa de qualificação tecnológica Acertar o Rumo. A iniciativa visa estimular a qualificação dos profissionais portugueses nas Tecnologias de Informação (TI), redirecionando as competências dos profissionais para áreas com maior empregabilidade e ajustando a oferta à procura no mercado de emprego. As candidaturas para a edição deste ano estão a decorrer até 13 de setembro.

Descobrir, formar e desenvolver talentos na area das TI é a grande missão do programa Acertar o Rumo, numa altura em que as empresas do sector tecnológico se debatem com sérias dificuldades de contratação e escassez de profissionais qualificados na area, face às necessidade das empresas e à acelerada evolução do mercado. Para inverter este cenário, o programa procura talentos de várias áreas, com formação superior e vontade de redirecionar a sua carreira dando-lhe um foco tecnológico. “O Programa procura desenvolver competências técnicas de programação informática em licenciados com dificuldade de encontrar emprego nas suas áreas de formação original, e que revelem as competências adequadas à área das TI”, explicam os parceiros.

Apresentando-se como um programa de formação intensiva, muito prática e claramente direcionada às necessidades profissionais, o Acertar o Rumo não confere grau académico, mas tem conseguido com sucesso aproximar os profissionais dos empregadores. Desde que arrancou em 2013, “o programa tem assegurado a empregabilidade de 100% dos seus participantes, com as várias empresas aderentes a acolherem os profissionais que receberam em estágio”, explica a organização. Ao longo das várias edições do Acertar o Rumo, mais de 700 profissionais se candidataram a esta formação que formou nas últimas três edições 65 profissionais.

Para o reitor da Universidade de Coimbra (UC), João Gabriel Silva, “o Programa permite aumentar o nível de qualificação de profissionais na área das TI, redireccionando competências para áreas com grande empregabilidade no nosso país”. O representante da UC destaca ainda o crescente interesse que o curso tem vindo a registar entre as empresas que se têm associado ao programa, demonstrando vontade de integrar os formandos, cumprindo assim o principal propósito da iniciativa de requalificação: “dar resposta às necessidades das empresas de recursos especializados, criando emprego”.

Também para António Murta, representante português na Digital Champions Europe, “numa altura em que há tanto desemprego qualificado jovem em Portugal faz todo o sentido re-treinar engenheiros, aproveitando grande parte das suas valências de engenharia de base, e mudando-lhes o foco de domínio para, por exemplo, as TI”. Para o responsável “é através deste tipo de iniciativas que conseguimos ajudar a reequilibrar o mercado e capacitar os nossos profissionais, conferindo-lhes uma maior flexibilidade profissional. O mais importante de todo o processo, claro, está no facto de conseguirmos quase de imediato aumentar a empregabilidade destes jovens. Este é o grande mérito do ACERTAR O RUMO”. A fase de candidaturas e identificação de talentos para a quarta edição do programa está a decorrer até 13 de setembro. Até lá serão realizadas provas de seleção dos candidatos que permitam identificar os que têm maiores condições de sucesso no programa.



OUTRAS NOTÍCIAS
WINNING lança programa de trainees

WINNING lança programa de trainees


A WINNING Scientific Management está à procura de jovens talentos, com licenciatura ou mestrado completo nas áreas da Gestão, Informática, Gestão da Informa&c...

Católica e NATO vão formar nos 28 Estados-membro

Católica e NATO vão formar nos 28 Estados-membro


A NATO prepara-se para criar em Oeiras a Academia de Comunicações NATO, a partir da qual serão formados profissionais da organização dos 28 Estados-Membro. A Univers...


"O capital humano é o 'gatilho' do crescimento"


A EGOR celebra esta semana 30 anos de atividade. Tem por isso uma visão privilegiada da evolução das tendências de identificação, recrutamento e gestão ...



DEIXE O SEU COMENTÁRIO





ÚLTIMOS EMPREGOS


COLABORADORES

AGIF, I.P.

Comerciais

ERA Imobiliária