Notícias

Uma «guerra» desigual

06.08.2004


  PARTILHAR




Vítor Andrade


MAIS de 77% das ofertas de trabalho publicadas na na última edição do EXPRESSO/Emprego colocavam como condição fundamental a posse de experiência profissional por parte dos candidatos.

Ora, isto é um requisito "venenoso", pela simples razão de que todos os empregadores sabem perfeitamente que a maioria das pessoas que andam em busca de trabalho são precisamente aquelas que não são experientes - só recém-licenciados sem nunca terem trabalhado são mais de 20 mil, segundo os últimos números oficiais.

Por outro lado, os empregadores também sabem que para recrutarem profissionais experientes, têm de os ir buscar à concorrência. Fica-lhes mais caro e cria problemas às empresas de onde saem. No final, quem mais perde são os que estão no desemprego, pois não têm armas para lutar nesta "guerra".





DEIXE O SEU COMENTÁRIO





ÚLTIMOS EMPREGOS


ADMINISTRATIVO RH C/FRANCÊS - LISBOA

Kelly Services Portugal

ATUÁRIO

Grupo Egor

AUDITOR

Grupo Egor