Notícias

Select cresce 24%

20.08.2004


  PARTILHAR



 

Ruben Eiras

O GRUPO Select-Vedior, uma das maiores empresas de recursos humanos do mercado português, viu a sua facturação crescer cerca de 24% no primeiro semestre deste ano. Naquele período, as vendas atingiram os 80 milhões de euros, em contraste com os 64 milhões de igual período de 2003.

Em termos de resultados operacionais, estes atingiram, no primeiro semestre de 2004, os 2,7 milhões de euros, ou seja, um crescimento de 4% quando comparado com o mesmo período de 2003. "Estes resultados foram considerados muito positivos, tendo em vista a conjuntura actual, onde o peso da informalidade e da economia clandestina e paralela constitui, cada vez mais, um factor de concorrência desleal e feroz, corroendo progressivamente todo o tecido económico e social", comenta Mário Costa, director-geral do Grupo.

Face à situação que actualmente é vivida na Inspecção-Geral do Trabalho, para o qual ainda não foi designado um novo inspector, Mário Costa advoga que a nova pessoa a ocupar o cargo deverá ser "um profissional de gestão e não um juiz". Isto porque, segundo aquele responsável, um magistrado só funciona "segundo teorias e não conhece a realidade prática" que se vive em vários sectores da economia nacional.

Mário Costa salienta ainda que, para combater a ilegalidade e aumentar a flexibilidade laboral, o governo deveria apostar numa boa lei para o trabalho temporário.





DEIXE O SEU COMENTÁRIO





ÚLTIMOS EMPREGOS


Advogado

Anónimo

Advogado

Anónimo

asesor económico/comercial

Embajada en Lisboa