Notícias

Escolas que fomentam negócios

A 12ª edição do Concurso Nacional de Ideias volta à estrada já este mês para desafiar a mente e a criatividade dos jovens empreendedores portugueses
12.09.2008


  PARTILHAR



Cátia Mateus

São já 38 as instituições de ensino secundário, profissional e superior que assinaram protocolos com a Associação Nacional de Jovens Empresários (ANJE) com vista à dinamização da edição 2008 (a 12ª) do Concurso Nacional de Ideias. Trata-se de premiar os projectos empresariais mais inovadores e criativos gerados a partir dos bancos das nossas escolas.

Desenvolvida pela ANJE, em parceria com o Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP), a iniciativa dirige-se a todos os jovens entre os 18 e os 35 anos com ambições empresariais e os critérios de selecção sustentam-se na inovação e viabilidade económica dos projectos. A partir daqui é dar largas à imaginação e cumprir prazos de candidatura que decorrem até Novembro.

Às 38 instituições que já se tornaram parceiras do concurso deverão juntar-se ainda outras com o desígnio de elevar a bandeira do empreendedorismo nacional mais alto, equiparando-a aos melhores modelos do ensino europeu e promover a iniciativa empresarial não apenas junto de futuros gestores, mas também junto de jovens cujas formações não estão tão vocacionadas para a criação de empresas.

Somando já 12 edições, o Concurso Nacional de Ideias visa, nas palavras da sua organização, “facilitar a concretização de projectos de negócio, proporcionando meios financeiros, humanos, técnicos, formativos ou de consultoria para o exercício da actividade empresarial”.

O processo de selecção para este concurso é rigoroso, afinal está em causa o certificado de Jovem Empreendedor do Ano. Ideia de negócio realista, inovadora, onde os beneficiários sejam claramente identificados e que permita a criação do próprio emprego são algumas das exigências. Cada um dos estabelecimentos de ensino associados a esta iniciativa vai submeter os projectos dos respectivos alunos a um júri que seleccionará a melhor candidatura de cada escola. Paralelamente, faz saber a ANJE, um júri nacional composto por experientes consultores empresariais irá avaliar todas as candidaturas independentes. É desta avaliação mista (candidaturas independentes e escolas) que sairá a Melhor Ideia de Negócio.

Os vencedores serão contemplados com uma formação que lhes permitirá aceder a um leque de informações e conselhos úteis para a materialização dos seus projectos

.




DEIXE O SEU COMENTÁRIO





ÚLTIMOS EMPREGOS


ACCOUNTANT BANKING SECTOR-PSA BANK

Spring Professional Portugal

ARCHITECT / PROJECT MANAGER

Michael Page Portugal

ASSISTANT ACCOUNTING CONTROLLER

Spring Professional Portugal