Notícias

Saber mais sobre a China

Saber mais sobre a China

O curso Welcoming China, criado pelo Turismo de Portugal, quer preparar profissionais para acolherem melhor os turistas chineses. Vai dar formação em cultura chinesa e exige o domínio do mandarim. 

09.01.2015 | Por Maribela Freitas


  PARTILHAR



A Escola de Hotelaria e Turismo de Lisboa realiza de 2 de março a 30 de maio a segunda edição do curso Welcoming China que visa preparar novos profissionais para o acolhimento de turistas chineses. Esta formação tem como público-alvo jovens portugueses, profissionais ou estudantes, com domínio de mandarim e chineses, residentes em Portugal, com conhecimentos de português, ligados ao turismo e comércio.

“Os turistas chineses tendem a preferir os países onde o acolhimento pode ser feito na sua língua e onde a sua história e cultura não são desconhecidas”, explica João Cotrim de Figueiredo, presidente do Turismo de Portugal (TP). Esta foi uma das razões que levou este organismo a criar esta formação que para já é apenas ministrada na Escola de Hotelaria e Turismo de Lisboa, mas cujo objetivo é disseminar por outras escolas da rede do TP. Segundo previsões da Organização Mundial do Turismo, em 2020 a China poderá tornar-se o principal mercado emissor de turistas em todo o mundo. Para aumentar a notoriedade de Portugal como destino turístico, o TP desenvolveu um projeto de comunicação específico para o mercado chinês.

“A China é um importante mercado emissor de turistas para Portugal. Conhecer a língua e a cultura chinesa, muito diferente da europeia, permite uma maior adequação dos produtos turísticos portugueses a este mercado e um melhor acompanhamento dos turistas recebidos”, afirma João Cotrim de Figueiredo. O Welcoming China foi motivado pela necessidade evidenciada pelos agentes do sector da criação de formação que ajudasse a colmatar o défice de profissionais preparados para o acolhimento de chineses. A sua concepção teve a colaboração de diversas entidades, terá a duração de 150 horas, custa €450/participante, conta com 25 vagas e as inscrições decorrem até ao final de fevereiro. Vai abordar matérias como história portuguesa e cultura geral; património cultural e natural; itinerários e locais de interesse turístico; comunicação e gestão de grupos; gastronomia e vinhos; relação histórica e cultural entre os países e cultura chinesa.

Os candidatos realizam uma entrevista motivacional e no caso dos portugueses é aferida a fluência verbal e escrita em mandarim. “Houve a preocupação de desenvolver conteúdos de âmbito histórico, cultural e turístico, debruçando-se também sobre as principais motivações, interesses e hábitos culturais dos chineses, no sentido de otimizar o ajustamento da comunicação e melhorar a interação entre as duas culturas”, finaliza o presidente do Turismo de Portugal.



OUTRAS NOTÍCIAS
2015: sectores que vão contratar

2015: sectores que vão contratar


Nos últimos meses do ano, e depois de um prolongado período de estagnação potenciado pela conjuntura económica adversa, o mercado de trabalho nacional recuperou algu...

PAPS lança programa de estágios nos EUA

PAPS lança programa de estágios nos EUA


A Associação de Estudantes e Investigadores Portugueses nos Estados Unidos (PAPS) prepara-se para iniciar em 2015 o PAPSummer, um programa de estágios com duração de...

Tecnologia portuguesa transforma gestos em ações de controlo

Tecnologia portuguesa transforma gestos em ações de controlo


Surgiu como negócio em fevereiro deste ano, fruto do trabalho desenvolvido por um grupo de jovens empreendedores de diversas áreas de formação. Andreia Dias, Dora Iná...



DEIXE O SEU COMENTÁRIO





ÚLTIMOS EMPREGOS


ARCHITECT / PROJECT MANAGER

Michael Page Portugal

PAYROLL SPECIALIST - FRENCH SPEAKER

Spring Professional Portugal

PAYROLL SPECIALIST - GERMAN SPEAKER

Spring Professional Portugal