Notícias

Gerir a arquitectura e ambiente na Lusófona

02.07.2004


  PARTILHAR




Maribela Freitas

A UNIVERSIDADE Lusófona de Humanidades e Tecnologias, em Lisboa, vai avançar no próximo ano lectivo com o mestrado em "Gestão arquitectónica e do ambiente urbano".

Com esta formação, a Lusófona quer promover a gestão arquitectónica e a qualidade construtiva de forma a contribuir para a manutenção e criação de ambientes urbanos sustentáveis.

Outro dos objectivos do curso passa por melhorar o conhecimento e a capacidade de avaliação do que é o desenvolvimento sustentável na Europa. Na área da gestão, os alunos vão aprender como gerir a arquitectura, a construção, a qualidade dessa mesma construção e ambiente.

Reabilitação arquitectónica urbana e tecnologia da informação, são outras das matérias que virão a ser leccionadas neste mestrado que vai contar no seu corpo docente com especialistas nacionais e estrangeiros.

Podem candidatar-se a este curso os portadores de uma licenciatura ou grau académico equivalente, nas áreas de arquitectura e artes, que tenham tido 14 valores de média final. No entanto, podem ser aceites alunos com classificação inferior depois de uma apreciação curricular.

Até agora, e de acordo com Carlos Alho, director do mestrado, "registam-se já muitas candidaturas pois esta é uma área nova em que muitas pessoas estão interessadas".

As candidaturas decorrem numa primeira fase até ao dia 23 de Julho e existem 20 vagas por preencher. Esta formação dura dois anos, vai decorrer aos sábados e custa cerca de cinco mil euros, com um desconto de 50% para os alunos da Lusófona.

Este curso é um projecto interdisciplinar, com base na experiência internacional estabelecida em parceria com as Universidades de Salford, Florença e Veneza.





DEIXE O SEU COMENTÁRIO





ÚLTIMOS EMPREGOS


ACCOUNTANT BANKING SECTOR-PSA BANK

Spring Professional Portugal

ARCHITECT / PROJECT MANAGER

Michael Page Portugal

ASSISTANT ACCOUNTING CONTROLLER

Spring Professional Portugal