Carreiras

Notícias



01.01.2000



  PARTILHAR




2002-10-15

Júlia Pinheiro ingressa na TVI

Júlia Pinheiro integra a partir de hoje a equipa da TVI. A apresentadora que saiu da RTP em Setembro fará parte da equipa de coordenação de direcção de programas da TVI e paralelamente irá dar continuidade à sua actividade de apresentadora. Júlia Pinheiro que saiu da SIC pela mão de Emídio Rangel apresentava na RTP os programas O Elo mais Fraco e Gregos e Troianos.

2002-10-09


Luís Marques é o novo vice-presidente da administração da RDP

O Conselho de Opinião da RDP elegeu Luís Marques para o cago de vice-presidente do conselho de administração da rádio pública. Com 18 votos a favor, sete contra e dois em branco, Luís Marques foi eleito para o cargo, ao lado de Almerindo Marques, presidente da administração, e Ferro Carvalho, eleito para o cargo de vogal. A nomeação da administração foi demorada devido a desentendimentos entre o Conselho de Opinião e a Portugal Global.

2002-10-02


TV Globo chega à Europa em Novembro

A partir de Novembro os telespectadores europeus podem assistir à TV Globo Internacional. O canal que transmitirá por via satélite será a partir de Lisboa, utilizando a plataforma de satélite digital da TV Cabo Portugal. A Europa poderá assim assistir a novelas, programas jornalísticos, educativos e desportivos brasileiros.

2002-10-01


Cofina compra TV Guia por um euro

A Cofina comprou a TV Guia Editora ao grupo RTP somente por um euro. Um preço simbólico, justificado pela empresa assumir todos os encargos do passivo da TV Guia Editora, cerca de sete milhões de euros e a manter os cerca de 85 trabalhadores. Emídio Rangel é o nome apontado para a direcção da editora que publica a TV Guia e a Guia.

2002-09-30


TSF e DNmais fazem parceria musical

A TSF vai dedicar, a partir de hoje, uma hora a canções seleccionadas pelo suplemento semanal de música e cinema do Diário de Notícias. Os dois órgãos informativos, que fazem parte do mesmo grupo Lusomundo, unem-se para dar aos ouvintes música de "qualidade". Em destaque esta semana estão os Rolling Stones e os novos registos dos Suede, Perry Blake e Anamar.


2002-09-27


Jornal Público lança Público Minho

O jornal Público vai lançar no dia 1 de Outubro o Público Minho. Com distribuição nos distritos de Braga e Viana do Castelo, esta edição vem juntar-se às de Lisboa e Porto. Editado e paginado na redacção do Porto este jornal vai contar com 11 redactores.


2002-09-26

Alta Autoridade comenta detenção de jornalista

A Alta Autoridade para a Comunicação Social (AACS) considera que o jornalista José Manso Preto não é obrigado a quebrar o sigilo profissional e a divulgar a sua fonte de informação, no julgamento dos irmãos Jaime e Mário Pinto em que foi arrolado como testemunha de defesa. A constituição consagra o direito à protecção das fontes de informação e garante que o jornalista não pode ser alvo de sanções ao cumprir esse direito. A AACS salienta que caso haja um interesse preponderante em conhecer a fonte e o tribunal imponha a quebra do sigilo, tal só será possível depois de ser ouvido o organismo representativo da profissão.

2002-09-24

RTP nomeia novos directores de Programas e de Informação

Luiz Andrade é oficialmente o novo director de Programas da RTP e José Rodrigues dos Santos da Informação. A Administração da estação pública anunciou ontem oficialmente os novos directores após o parecer positivo dado a ambos pela Alta Autoridade para a Comunicação Social e a aprovação unânime a José Rodrigues dos Santos por parte do Conselho de Redacção da RTP.


2002-09-19

Trabalhadores da RTP reúnem-se em plenário para discutir rescisões

Os funcionários da estação pública de televisão reúnem-se hoje em plenário com a comissão de trabalhadores e sindicatos que os representam para analisar a situação actual da casa, motivadas pelo processo de rescisões de contratos. Segundo a comissão de trabalhadores o processo de rescisão amigável não deveria ter sido iniciada antes de uma definição dos objectivos concretos para a televisão enquanto serviço público.


2002-09-17

AACS dá parecer desfavorável à saída de Emídio Rangel

A Alta Autoridade para a Comunicação Social (AACS), formulou ontem um parecer "não favorável" à saída de Emídio Rangel da direcção da RTP, concretizada com a chegada da administração de Almerindo Marques. Considerando que o processo de contrato deveria ter sido mais transparente.
Segundo a nova lei da Televisão, a AACS tem parecer prévio à nomeação e destituição de directores, no entanto, o parecer exigido pela lei sobre a demissão de Emídio Rangel foi dado depois do facto consumado e não previamente, como explica o quadro legal.

2002-09-12

RTP dispensa mil trabalhadores até final do anos

A nova administração da RTP dirigida por Almerindo Marques vai dispensar entre 700 e 1000 funcionários, reduzindo o total dos efectivos da estação pública de televisão para cerca de metade até ao final do ano.
Segundo o plano de rescisão desta recente administração, os funcionários são convidados a rescindir até 31 de Outubro, por mútuo acordo tendo direito a uma compensação com mês e meio de salário por cada ano de trabalho acrescentado de um bónus calculado a partir do vencimento.
Também até final do ano, a Radiotelevisão Comercial (RTC) será extinta, esperando-se que a comissão liquidatária seja nomeada na próxima assembleia geral da empresa marcada para o final deste mês.

2002-09-10


TV Cabo tem mais de 1,2 milhões de clientes

No segundo trimestre deste ano a TV Cabo apresentava um aumento de 17% no número de assinantes face ao mesmo período do ano passado. O volume de vendas em Lisboa e Vale do Tejo que atingiu os 50% no total nacional é a razão apontada para este aumento.
Em termos trimestrais o número de assinantes ascendeu no final do segundo trimestre os 1,203 milhões de clientes, o que significa um crescimento de 4% por cento em relação ao trimestre anterior, graças à angariação de 178 mil novos assinantes deste serviço.

2002-09-05

Nuno Santos regressa à RTP

Nuno Santos regressa à RTP mais de dez anos depois de ter deixado aquela estação para fazer parte da equipa de jornalistas da SIC. O ex-director da SIC Notícias volta a integrar os quadros da RTP faltando ainda saber o lugar que lhe está destinado - informação ou programação.
O novo director de programação será Luís Andrade, actualmente à frente do departamento de ficção.

2002-08-30

Emídio Rangel sai hoje da RTP

Emídio Rangel abandona hoje o cargo de director-geral da RTP. O acordo de rescisão do contrato foi conseguido ontem à tarde de mútuo acordo. Desconhecem-se os valores do acordo.

2002-08-29

SIC Mulher arranca em Setembro

O novo canal da estação de Carnaxide arranca em Setembro. Dirigido por Sofia Carvalho, o novo canal SIC Mulher já tem toda a sua estrutura montada e irá ser emitido via cabo. Este canal torna-se assim o quarto projecto da estação de Pinto Balsemão a ser transmitido por esta via.


2002-08-28

RTP quer negociar saída de Rangel


A administração da RTP vai entrar em negociações com Emídio Rangel no sentido de encontrar soluções para a cessação do seu contrato enquanto director de antena da estação pública. Quanto à substituição de Emídio Rangel, o actual presidente da RTP, Almerindo Marques avança com a hipótese de uma possível reformulação orgânica na estação do Estado. A grelha de programas também não é problema para Almerindo Marques que assegura que irá ficar dependente do substituo de Rangel.

2002-08-27

Televisão Digital adiada por seis meses

O projecto da Televisão Digital Terrestre ficou adiado por seis meses. A introdução da TNT, cuja licença foi atribuída ao grupo SGC e que integra a SIC e a RTP estava prevista para o final deste mês. No entanto, o Ministério da Economia decidiu seguir a recomendação da Anacom- Autoridade Nacional de Comunicações que aconselha esperar pela certificação da norma europeia Multimédia Home Plataform (MHP), aguardada para os próximos meses e adiar o início deste projecto. Esta norma destina-se a padronizar a concepção e o fabrico das set-top boxes que serão utilizadas nos serviços da Televisão Digital terrestre da União Europeia.


2002-08-26

Rádios locais sofrem com retracção do mercado publicitário

As rádios locais sofreram quedas de 20% nas receitas como consequência da crise no mercado publicitário português. De acordo com o presidente da Associação Portuguesa de Radiodifusão (APR), José Faustino, a retracção no mercado deve-se ao ''medo e ao receio''. O presidente da APR defende que '' na rádio local é tudo uma questão de feeling: quando as pessoas consomem mais, faz-se publicidade, quando não há consumo não há investimento''.


2002-08-23

Empréstimo a longo prazo parece ser uma solução para a RTP
l

A RTP está a tentar obter um empréstimo a longo prazo junto de um sindicato bancário para resolver o passivo global da empresa. Um empréstimo a 20 ou 25 anos parece ser a solução que permitirá ao governo e à RTP libertarem-se de um passivo que ronda os mil milhões de euros.

2002-08-22

Sport Tv aposta num canal internacional


A Sport Tv quer lançar dentro de um mês um canal internacional. Direccionado apenas para a Europa via satélite, este novo canal será constituído por desporto português ou praticado em Portugal, notícias e algumas rubricas. Entre as 18 horas e as 24 horas nos dias da semana e durante o fim-de-semana em outro horário, a Sport Tv Internacional estará acessível através de uma assinatura com um custo entre os 20 e 22 euros mensais.

2002-08-21

Jornalistas Online reúnem-se


O Núcleo Sindical de Jornalistas Online (NSJO) vai reunir-se pela primeira vez para analisar os deveres e direitos laborais dos jornalistas que exercem a sua profissão em meios de comunicação na Internet.
No próximo dia 26 de Agosto a reunião, a realizar na sede do Sindicato de Jornalistas, tem por objectivo a constituição formal do Núcleo, incluindo eleições para o secretariado. Questões como a dificuldade de manutenção de um órgão na Internet, o uso indiscriminado de um artigo em diversas publicações da mesma empresa e o direito de resposta, serão também analisadas.
Para fazer parte do Núcleo de Jornalistas Online é necessário ser membro do Sindicato de Jornalistas e exercer a sua profissão num órgão de comunicação social na Internet.

2002-08-16

RTP líquida dívidas com o ICAM e Cinemateca


A RTP vai pagar cerca de dois milhões de euros ao Instituto do Cinema, Audiovisual e Multimédia (ICAM) e à Cinemateca Portuguesa. A Televisão pública pretende liquidar as dívidas de taxa de exibição sobre publicidade em seis meses. A RTP anunciou ainda que passará a pagar pontualmente o montante relativo a cada mês para não acumular dívidas.


2002-08-09

RTP assume controlo da NTV


A RTP e a PT multimédia vão formalizar o acordo que confere à televisão pública o controlo do canal por cabo NTV. As negociações foram ultimadas ontem à noite. Até à data o principal accionista da NTV era a PT Multimédia, que controlava 75% do canal, mas com a entrada da RTP vai haver alterações. Foi a própria PT que reclamou à televisão do Estado uma participação mais activa no canal do Norte.
A RTP pretende manter o carácter nortenho do canal, embora pense utilizá-lo também para desenvolver a produção dos seus centros regionais


2002-08-08

Reestruturação da RTP em curso


A reestruturação financeira da RTP é a prioridade do Ministro da Presidência, mas Morais Sarmento não exclui o "desenvolvimento de novas áreas de negócios para a RTP".
Para proceder à reestruturação da RTP o ministro vai pedir um levantamento rigoroso da situação da empresa e de todas as participadas e só depois o governo irá decidir quais são os activos da empresa que podem ser alienados. A reestruturação vai passar ainda por uma renegociação da dívida e redução da despesa.

2002-08-05

"Periférica"é a nova revista cultural de Trás-os-Montes


Um grupo de amigos transmontanos criou uma revista cultural, com distribuição em todo o país. De periodicidade sazonal, a revista é feita em papel reciclado e aposta num grafismo imaginativo. "Irónica", "mordaz e provocatória" não pretende ser uma revista regional, nem provinciana, mas assenta no conceito de que uma pequena aldeia transmontana como Vilarelho de Jales é tão apropriada para criar uma revista cultural como qualquer cidade do mundo.
O primeiro número foi lançado recentemente e o segundo está previsto para Agosto. Esta edição vai contar com participações estrangeiras, como o escritor Gunter Grass e Turcius, um ilustrador colombiano.


2002-08-02

Fernando Trigo é o novo director de informação da Lusa


Fernando Trigo é o novo director de informação da agência Lusa. O jornalista que já ocupava o lugar interinamente vai ter a seu lado na direcção, Goulart Machado e Rui Moreira, como subdirectores coordenadores, e Carlos Lobato e António Bilrero, como subdirectores. Fernando Trigo vai apresentar a estrutura editorial dentro de dois meses, sendo que a valorização da lusofonia e a área económica serão os seus dois grandes objectivos.

2002-08-01

TV GUIA desperta desejo de compra


A Tv Guia editora vai ser vendida porque o Conselho de Administração da RTP decidiu aliená-la. Já há três interessados em adquirir a TV Guia, dos quais, dois são nacionais, um grupo e uma instituição financeira e um é um grupo estrangeiro.
A "Tv Guia Publicações" edita duas revistas: a "TV Guia" especializada em televisão e "Guia". A empresa tem ao seu serviço 85 trabalhadores que, desconhecem ainda qual vai ser o seu futuro, pois não têm nenhum vínculo laboral com a RTP.


2002-07-30

Impresa vai criar portal pago para conteúdos jornalísticos


O grupo Impresa está a planear criar um portal pago que reúna todos os conteúdos da Imprensa. José António Saraiva, director do "Expresso" defende os conteúdos pagos, afirma que " se não caminhamos para uma Internet parcialmente paga, a prazo, a produção de conteúdos estará comprometida porque é muito cara".
O portal ainda não tem data marcada de lançamento, porque "haverá uma integração gradual do sítio do Expresso com o da Sic". José António Saraiva revelou ainda que o grupo Balsemão pretende adquirir um diário desportivo.



2002-07-29

RTP aposta na NTV


A RTP pretende investir na NTV, aumentando a sua participação actual de 25% e apostando numa remodelação. A nova administração da estação pública esteve reunida com a PT Multimédia a fim de discutir a viabilização do canal do Porto, conseguindo que a PT adiasse a sua intenção de encerrar as portas do canal 11 da TV Cabo. Esta reunião surge como consequência ao ultimato que a PT fez à RTP e segundo o qual, caso a RTP não injectasse dinheiro na NTV, este canal passaria a emitir apenas uma mira técnica. Embora essa injecção de dinheiro ainda não tenha sido acordada, a RTP convenceu a PT Multimédia do seu interesse pelo canal do Porto.

2002-07-26

Nova administração da RTP quer dissolver RTC e Viver Portugal


O Conselho de Administração da RTP vai convocar a Assembleia Geral da Rádio Televisão Comercial (RTC) para propor a dissolução desta empresa participada que trata da actividade comercial da RTP. Um processo que envolve também a empresa Viver Portugal responsável pelo portal da RTP na Internet e pelo serviço de teletexto.
A decisão do Conselho de Administração foi tomada na primeira reunião da administração e foi anunciada hoje em comunicado.
A estação pública tenciona assumir a actividade das duas empresas e ainda alienar a revista de programação televisiva TV Guia.



2002-07-24

Administração da RTP diminui poder de Emídio Rangel


A nova administração da RTP fez a distribuição dos pelouros entre os novos gestores, o que teve como consequência mais directa a diminuição dos poderes do director geral de antena, Emídio Rangel.
O director geral de antena passa a depender directamente do vogal da administração Luís Marques e deixa de controlar a gestão de custos de antena, agora competência do novo presidente da administração, Almerindo Marques. A autonomia de Emídio Rangel praticamente desaparece com a redistribuição de várias competências que lhe tinham sido atribuídas pela anterior equipa. O centro de Produção do Porto anteriormente tutelado pelo director geral de antena e a direcção de marketing são dois casos que ilustram a redução de poderes de Rangel.
Emídio Rangel mantém o controlo sobre os pelouros da Informação, Programas, RTP1, RTP2 e Produção e Emissão.


2002-07-23

RTP tem como prioridade resolver situação financeira da estação


A nova administração da RTP, que entrou ontem em funções, estabeleceu como prioridade a resolução da situação financeira da estação. O novo presidente da RTP, Almerindo Marques afirma que ''apesar de o objectivo principal da nova administração ser criar uma empresa para prestar serviço público (…), a conjuntura actual ainda não permite esse investimento''. Até lá, a nova equipa de gestores terá de resolver graves problemas financeiros da estação pública: 150 milhões de euros de défice de tesouraria e 20 milhões de euros de défice de exploração e um nível de endividamento de mil milhões de euros.

2002-07-22

Nova Administração da RTP toma posse hoje

A nova administração da RTP assume hoje as suas funções. Almerindo Marques, ex-administrador da Caixa Geral de Depósitos e ex-secretário de Estado da Administração Escolar, vai substituir João Carlos Silva, na presidência da RTP.Do novo conselho de administração fazem ainda parte, Luís Marques, jornalista e ex-administrador da SIC e Ponce Leão, ex-administrador do grupo Jerónimo Martins. A responsabilidade da nomeação da administração no que diz respeito à direcção de Informação e Programação passa a ser da Alta Autoridade para a Comunicação Social.


2002-07-19

TVI apresenta lucros "pouco rentáveis"

O presidente do grupo Media Capital, detentor do canal, afirma que os lucros de cerca de dois milhões de contos em 2001 "estão abaixo da rentabilidade de uma estação de televisão privada". Miguel Paes do Amaral sustenta que uma televisão privada deveria apresentar uma maior margem de lucro, embora a TVI tenha sido o único canal a apresentar resultados positivos em 2001.
Em 2001 os resultados líquidos atingiram os 9,5 milhões de euros e as receitas publicitárias cresceram 54,6% atingindo os 116 milhões de euros. Para 2002 Paes de Amaral prevê um ano difícil, pois mantêm-se a quebra do investimento publicitário que afecta negativamente a conquista de audiência.


2002-07-17

Oposição afirma que a Lei da Televisão é inconstitucional

O PS, PCP e Bloco de Esquerda reuniram 23 assinaturas de deputados com o objectivo de requerer ao tribunal constitucional a fiscalização sucessiva da segunda versão da proposta de alteração à lei da televisão. A iniciativa será concretizada logo após a publicação das alterações à Lei da Televisão, pois a oposição entende que esta segunda proposta contém inconstitucionalidades, nomeadamente o facto de o actual director de antena da RTP, Emídio Rangel, poder ser demitido do cargo sem que nenhuma entidade independente possa emitir parecer vinculativo.
A lei foi promulgada ontem pelo Presidente da República, Jorge Sampaio, que afirmou não ter quaisquer dúvidas quanto à constitucionalidade da nova versão e considerou que esta reforça a independência do conselho de administração e das direcções de programas e de informação da RTP.
O primeiro-ministro, Durão Barroso afirmou que a promulgação da lei vai permitir continuar o processo de reestruturação da RTP.
A nova lei retira ao Conselho de Opinião da RTP o poder de veto sobre a nomeação das administrações da televisão pública e transfere-o para a Alta Autoridade para a Comunicação Social.



2002-07-11

Jornal de Negócios passa a diário

A Cofina, grupo detentor do Jornal de Negócios, anunciou que no próximo ano o jornal vai transformar-se em diário popular de economia. O Jornal de Negócios continua a dedicar-se aos temas económicos, mas numa vertente mais popular, mais próximo do dia-a-dia dos leitores.
A intenção foi revelada através de comunicado e surge numa altura em que as quebras registadas em todos os títulos especializados em temas económicos estão bem patentes. A Cofina numa tentativa de inverter a situação negativa do mercado aposta em novos conteúdos, na melhoria da receptividade junto dos leitores e na ocupação prévia do terreno. O grupo vai ainda viabilizar sinergias entre as várias publicações que detêm, como o Correio da Manhã e o Record, que deverão partilhar os mesmos circuitos de distribuição e o alargamento da publicidade ao Jornal de Negócios.



2002-07-10

Jornal gratuito lançado no Alentejo

O "Jornal da Noite" vai ser distribuído, a partir da próxima segunda-feira, nos locais de diversão nocturnos e postos de turismo, hotéis, parques de campismo, restaurantes, escolas e outros locais. A publicação tem periodicidade quinzenal, é gratuita e destina-se a divulgar as iniciativas da região alentejana, especialmente as actividades nocturnas. A primeira edição é dedicada ao Festival do Sudoeste, que se realiza na Zambujeira do Mar, em Agosto.


2002-07-09

Trajectos: nova revista de comunicação

O Instituto Superior de Ciências do Trabalho e da Empresa (ISCTE) e a Editorial Notícias lançam, hoje à tarde, uma nova revista, a "Trajectos".
A "Trajectos" será publicada pela Editorial Notícias e destina-se a acolher trabalhos de reflexão sobre comunicação e cultura, realizados no âmbito dos mestrados de Comunicação e Cultura e de Educação e Sociedade, bem como da pós-graduação em jornalismo organizada em conjunto pelo ISCTE e pela Escola Superior de Comunicação Social.
Com uma periodicidade semestral, a "Trajectos - Revista de Comunicação, Cultura e Educação" custará 12 euros.



2002-07-05

Questão das alterações à Lei da Televisão sem fim

Depois de ter sido aprovada a nova proposta de alteração à Lei da Televisão, na passada quarta-feira, o documento vai novamente parar às mãos de Jorge Sampaio.
O presidente da república, tal como à um mês atrás, tem vinte dias para promulgar ou vetar o diploma, sendo que nos primeiros oito dias desse prazo pode decidir enviá-lo novamente para o Tribunal Constitucional (TC), que já por uma vez chumbou o diploma.
Na opinião de alguns juristas, o problema poderia ter sido evitado através de duas soluções possíveis: ou a antiga lei continuava em vigor até serem nomeados novos directores para a estação pública ou as novas alterações ganham um efeito retroactivo, podendo ser aplicadas imediatamente.
Ontem, no Parlamento, Durão Barroso disse estar convicto da constitucionalidade das alterações à lei e considerou que "é urgentíssimo" nomear uma nova administração para a RTP.

2002-07-03

Discussão sobre Lei da Televisão regressa ao parlamento

O parlamento discute hoje pela segunda vez as alterações à lei da televisão. Depois do Tribunal Constitucional ter chumbado o documento, o diploma foi devolvido ao parlamento e os partidos da coligação governamental que optaram por dar à Alta Autoridade para a Comunicação Social (AACS) o poder de emitir pareceres vinculativos sobre propostas de nomeação de direcções de programas e de informação para a RTP.
O governo agendou para hoje a aprovação de uma nova proposta, no entanto, as bancadas do PCP e do Bloco de Esquerda já assumiram o voto contra o diploma.


2002-07-02

Conselho de Opinião da RDP nomeia administradores

O Conselho de Opinião (CO) da RDP vai decidir hoje os nomes do vice-presidente e do vogal do conselho de Administração da rádio pública. Em votação estão os nomes de Luís Marques e Ferro de Carvalho.
A nomeação destes cargos é da competência do Conselho de Opinião, mas foram ouvidas as propostas do governo que indicavam Luís Marques e Gonçalo Reis. Só após diversas reuniões entre a Portugal Global e a Comissão permanente do CO, a Portugal Global aceitou substituir Gonçalo Reis por Ferro de Carvalho. Este último é actualmente membro da administração da RDP.
Os dois administradores terão de ser eleitos por dois terços dos conselheiros presentes, uma tarefa difícil uma vez que não há consenso à volta dos dois nomeados e há outros nomes que podem ainda surgir.
A votação realiza-se um dia antes da Assembleia discutir a retirada do direito de veto ao CO da RTP da administração da televisão pública. Se o governo conseguir fazer vingar a sua proposta o direito de veto passará a ser exercido pela Alta Autoridade para a Comunicação Social.


2002-06-28

AACS instaura processo contra a SIC

A Alta Autoridade para a Comunicação Social (AACS) iniciou um processo que pode custar à SIC 100 mil euros. O processo surgiu devido à transmissão, no dia 16 de Fevereiro, antes das 22 horas, de um filme desaconselhável a menores de 16 anos.
A AACS concluiu que a SIC exibiu o filme "American Pie- A primeira vez" sem qualquer advertência prévia e sem indicação da sua classificação etária, violando assim os números 2 e 4 do artigo 21º da Lei de Televisão.
Apesar do filme ter sido exibido com a bola vermelha no canto superior direito do ecrã, os membros da AACS consideraram o filme "de elevado grau de violência".


2002-06-26

Paulo Portas defende leis para punir estações de televisão

O Ministro da Justiça, Paulo Portas, durante o encerramento das Jornadas Parlamentares do CDS/PP em Vidago, afirmou que pretende avançar com iniciativas legislativas para sancionar severamente as estações de televisão, públicas ou privadas, que desrespeitem a lei.
O PP defende o aumento de multas, duplicando o valor máximo para cerca de um milhão de euros, e a anulação da licença de funcionamento para as operadoras televisivas que desrespeitem a lei consecutivamente.


2002-06-21

Decisão de veto passa agora por AACS

O ministro da Presidência, Nuno Morais Sarmento, vai apresentar à Assembleia da República, dentro de duas semanas, uma proposta que atribui à Alta Autoridade para a Comunicação Social o poder de veto sobre a indicação dos directores de programas e informação da RTP.
Esta foi a forma encontrada pelo Governo para reagir ao chumbo de alteração da Lei de Televisão, executado pelo Tribunal Constitucional, que retirou o poder de veto ao Conselho de Opinião da RTP.


2002-06-17

Futuro da RTP decidido hoje ou amanhã

O Governo anuncia hoje ou amanhã o futuro da RTP. Face ao veto do Presidente da República às alterações à Lei da Televisão, baseado na declaração de inscontitucionalidade do Tribunal Constitucional, o Governo já decidiu quais as medidas que irá tomar para a RTP. O ministro da Presidência, Morais Sarmento, garantiu a revelação da decisão no dia ou, no máximo, no dia seguinte, ao envio do documento de veto da presidência para o parlamento. Morais Sarmento afirmou também a necessidade urgente da entrada em funções da nova administração e, voltou a garantir, que a televisão pública pode abrir falência a partir de Julho caso o Conselho de Administração entretanto não tome posse.

2002-06-11

Governo promete respeitar decisão do Tribunal Constitucional

O Governo através do ministro da presidência Morais Sarmento, garante que vai respeitar a decisão final do Tribunal Constitucional sobre as alterações à Lei da Televisão, que hoje é conhecida. Caso se confirme a inconstitucionalidade do diploma, um novo documento será levado à Assembleia da República. No entanto, fica ainda por saber se a intenção do governo de decretar a falência da RTP, em caso de veto do Tribunal Constitucional às alterações à lei da televisão, será colocada em prática.

2002-06-07

Tribunal Constitucional chumba nova lei da televisão

A proposta do actual Governo para alterar a lei da televisão foi vetada por cerca de 90 por cento do colectivo de juízes do Tribunal Constitucional (TC) que consideraram o diploma inconstitucional. A inconstitucionalidade é justificada por o TC considerar que o diploma entra em colisão com o parágrafo sexto do artigo 38 da Constituição Portuguesa que defende que os meios de comunicação públicos "devem salvaguardar a sua independência perante o Governo, a Administração e os demais poderes públicos, bem como assegurar a possibilidade de expressão e confronto das diversas correntes de opinião". A decisão final do TC deverá ser conhecida na próxima terça-feira, bem como a sua fundamentação jurídica.


2002-06-05

Emídio Rangel avança com processo-crime por difamação

José Fonseca e Costa, a Lusa, o "Correio da Manhã", o "Jornal de Noticias" e o "24 Horas" são os alvos do processo-crime que Emídio Rangel vai instaurar. A justificar esta acção estão as alegadas declarações de Fonseca e Costa onde o cineasta, a uma jornalista da Lusa, acaba por dizer que "a televisão caiu nas mãos de um gangster chamado Rangel" tendo-o apelidado de "maior inimigo do serviço público". A agência colocou em linha as declarações e, no dia seguinte, os jornais publicaram-nas. O director-geral de antena da RTP considera como insultuosas as declarações de Fonseca e Costa e exige um pedido público de desculpas e uma indemnização do cineasta e dos diferentes órgãos de comunicação.


2002-06-04

Jornalista da TV Globo desaparece em reportagem

Um jornalista da TV Globo desapareceu sem deixar rasto enquanto realizava uma reportagem numa favela do Rio de Janeiro. O repórter procurava investigar as festas de dança clandestinas "baile funk" que são organizadas pelos traficantes de droga das favelas e onde varias pessoas tem sido vítimas de assédio e de abuso sexual. O alerta para o desaparecimento do jornalista Tim Lopes foi dado pelos colegas com quem tinha combinado encontrar-se. Depois de buscas pela favela, a policia encontrou um corpo completamente carbonizado e com uma cassete de vídeo junto mas ainda não há confirmação que o corpo seja o do jornalista.


2002-06-03

RTP: canal europeu líder em publicidade

Segundo um estudo elaborado pelo Observatório da Publicidade espanhol e divulgado pelo jornal "El País", a RTP é o canal público europeu com mais publicidade. 23,25 por cento do tempo de emissão do canal é preenchido com publicidade, autopromoção e televendas em detrimento de programação. Apenas a Espanha e a Dinamarca apresentam valores acima dos dez por cento, com 16,26 por cento para a TVE e 12, 12 por cento para o canal público dinamarquês.


2002-06-03

Revista Punch chega ao fim da linha

A revista britânica de humor, Punch, encerrou a semana passada ao fim de 161 anos de existência. Segundo Al Fayed, o milionário egípcio que investiu no título 25 milhões de euros, foram feitos todos os possíveis para manter viva esta revista britânica. O milionário acrescentou ainda que como homem de negócios, há um momento que a cabeça deve falar mais alto que o coração.


2002-05-31

RTP: comissão independente sem Fonseca e Costa

O cineasta José Fonseca e Costa tomou a iniciativa de abandonar a comissão independente para a análise do serviço público de televisão, mas só hoje deverá comunicar a sua decisão ao ministro Nuno Morais Sarmento. Fonseca e Costa tem subscrito todos os abaixo-assinados que têm circulado ultimamente pela defesa de um serviço público com pelo menos dois canais.


2002-05-27

Reaberto processo da TSF contra Emídio Rangel

Numa guerra que já dura há 14 anos, a TSF conseguiu que o Tribunal de Instrução Criminal de Lisboa reabrisse o processo que opõe a rádio a Emídio Rangel. A estação acusa o actual director-geral da RTP de ter furtado documentos e "equipamento de dois estúdios de pós-produção áudio, no valor, na altura, de 80 mil contos". A TSF pretende uma indemnização no valor de cem mil contos.


2002-05-23

Número de assinantes da TV por cabo aumenta em 18 por cento

De acordo com os dados divulgados, ontem, pela Autoridade Nacional de Comunicações (Anacom) o número de assinantes da televisão por cabo aumentou 18 por cento no primeiro trimestre de 2002, em relação ao mesmo período do ano anterior. Segundo os mesmos dados, Alentejo e o Algarve foram as regiões onde o aumento de clientes atingiu números mais significativos, com um aumento de 40 por cento no primeiro trimestre. Lisboa e Vale do Tejo são as áreas onde se regista uma maior implementação do serviço por cabo.


2002-05-22

BE prepara-se para apresentar projecto de lei sobre a AACS

O Bloco de esquerda (BE) prepara-se para apresentar um projecto de lei para modificar a composição e as competências da Alta Autoridade para a Comunicação Social (AACS). Segundo o deputado do Bloco de Esquerda, Francisco Louçã, o Bloco de Esquerda pretende, com esta iniciativa, preservar o património de competências da AACS, pretendem desenvolvê-lo, criando dentro da AACS colégios específicos para a televisão, a rádio e a imprensa. O objectivo, igualmente referido em outros programas eleitorais, é criar uma estrutura mais eficiente e mais de acordo com a realidade que tem de tratar. Estas alterações à AACS, terão que esperar pela revisão constitucional.


2002-05-21

BE quer substituir a Alta Autoridade para a Comunicação Social

O Bloco de Esquerda (BE) quer extinguir a Alta Autoridade para a Comunicação Social (AACS) para o substituir por um Conselho da Comunicação Social com mais poderes e mais independência. O novo órgão teria colégios distintos para os diferentes media - rádio televisão e imprensa - e está incluído num projecto-lei a ser entregue na Assembleia da Republica. Neste projecto, o BE conta com o apoio do Partido Socialista.


2002-05-20

FotoDigital é a nova revista de fotografia no mercado português

Já está nas bancas a nova revista de fotografia do mercado português. Foi lançada a semana passada e chama-se "FotoDigital". É uma revista bimestral, foi criada para o mundo da imagem e destinada a profissionais da área e aos leitores interessados em fotografia e novas tecnologias. Um dos objectivos desta publicação é dar a conhecer os equipamentos e soluções existentes, fazer análises e dar algumas dicas a todos os que gostam e se interessam por fotografia digital. Cada edição é completada com um CD-ROM, que inclui diverso software de edição de imagem.


2002-05-17

Conselho de opinião da RTP: Governo contra-ataca

A novela do canal público conheceu um novo ponto alto. Desta vez, o Governo vai entregar na Assembleia da Republica uma proposta para a alteração da Lei de Televisão com vista a retirar ao Conselho de Opinião da RTP "o poder de se pronunciar sobre a composição" da administração do canal de televisão público. Esta medida, foi a solução encontrada pelo Governo para dar resposta ao parecer desfavorável dado pelo Conselho de Opinião à constituição da nova administração.

2002-05-15

Televisão é o meio de comunicação no qual os portugueses mais confiam

Os dados mais recentes do Eurobarómetro revelam que 78 por cento dos portugueses afirmam confiar na televisão, mais do que os 65 por cento que dizem confiar na rádio e os 55 por cento que manifestam confiança na imprensa. Segundo o mesmo estudo, um grande segmento dos cidadãos da União Europeia (UE), cerca de 48 por cento, tendem a desconfiar da imprensa, um valor levemente acima aos 46 por cento que tendem a confiar. Segundo Francisco Rui Cádima, do Observatório da Comunicação, a desconfiança manifestada pelos europeus em relação à imprensa provém de esta ter perdido muito espaço para a televisão, em termos de consumo de informação e à falta de contacto dos europeus com este meio de comunicação.


2002-05-13

SBT lança sistema próprio de Medição de Audiências

A SBT, a segunda estação televisiva mais vista no Brasil, contesta os dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística (IBOPE) e vai lançar, a partir do próximo mês de Junho, o seu próprio sistema de mediação de audiências televisivas em tempo real. Segundo o criador do sistema da SBT, Alfonso Aurin, a SBT pretende comparar os números desta mediação com os do IBOPE e decidir desta maneira a programação. O director executivo do IBOPE, Flávio Ferrari, nega as acusações feitas e defende que ter dois sistemas vai gerar muita confusão.


2002-05-10

RTP: Entra nova administração, sai Rangel

Com a escolha e nomeação de um novo corpo administrativo para a estação de televisão pública, está, praticamente, confirmado o afastamento de Emídio Rangel da RTP. Os novos administradores do canal consideram "incompatível" a continuidade do actual director de informação com o mandato da administração. O ministro Morais Sarmento não revelou, ainda, qual o destino de Rangel e da sua equipa, dizendo que é à nova administração que compete essa tomada de decisão.


2002-05-08

RTP: Afastamentos sem "indemnizações milionárias" podem ser legais

Em declarações à Lusa, o jurista Teixeira da Mota afirmou que a hipótese levantada pelo ministro Nuno Morais Sarmento de não haver o pagamento de "indemnizações milionárias" aos quadros afastados da RTP pode ser viabilizada pelo Código Civil. Teixeira da Mota, especialista em Direito da Comunicação, explicou que "há um mecanismo que permite, através do Código Civil, que o tribunal reduza as clausulas penais se entender que elas são excessivas".


2002-05-07

Governo não paga indemnizações na RTP

O ministro da Presidência, Nuno Morais Sarmento, já fez saber que caso se venham a efectuar alguns despedimentos na RTP não serão pagos quaisquer indemnizações, no valor de centenas de milhares de contos, por considerar que "seria pura e simplesmente indecoroso dado o estado das finanças públicas". Henriqueta Sabino, membro da Comissão de Trabalhadores (CT), alegou que estas declarações "têm como único objectivo tentar justificar a alienação de um dos canais, quando ainda não se sabe o que o Governo pretende para a RTP". Morais Sarmento colou ainda a hipótese de responsabilizar membros do anterior governo pela actual situação financeira de estação pública.


2002-05-06

Televisão "gay" vai começar em Itália

A Itália vai ser o primeiro país da Europa a ter uma televisão destinada a um público homossexual. A Gay.tv começa hoje as suas emissões, a partir de um estúdio em Milão, e, por enquanto, pode ser recebida gratuitamente via parabólica. Esta não é, no entanto, a primeira experiência neste campo. Os Estados Unidos também já conhecem uma experiência semelhante com a Pride Vision Tv. Este canal, lançado em Setembro de 2001, intitula-se como a "primeira televisão destinada aos "gays", lésbicas, bissexuais e transsexuais, mas, ao contrário da Gay.tv, apresenta-se como um canal disponível apenas por assinatura. A Gay.tv tem a mesma estratégia comercial e foi pensada para a população homossexual italiana, principalmente homens entre os 25 e os 44 anos.


2002-05-03

NTV pode ter que mudar de nome

O canal do norte pode ter de mudar o nome porque é conhecido se a reclamação feita pela MTV for aceite. O canal musical norte-americano alega "proximidade fonética" entre os dois nomes e entregou uma reclamação junto do Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI) para que a NTV seja forçada a mudar de nome. Cabe agora ao INPI dar um parecer sobre o caso e, segundo Jaime Andrez, presidente do conselho de administração, esse parecer será conhecido dentro de um mês.


2002-05-02

Fonte secreta no caso Watergate revelada em Junho

A identidade do "Garganta Funda" - nome porque ficou conhecida a fonte secreta do jornalista Bob Woodward e que deu origem ao escândalo Watergate - pode finalmente ser revelada. Depois de trinta anos de investigações por parte de John Dean, advogado da Casa Branca na altura do escândalo, o "Garganta Funda" pode vir a ter uma identidade real depois das inúmeras especulações e teorias feitas em torno da sua possível identificação. John Dean conta apresentar o seu documento no dia 17 de Junho, em formato e-book, na revista electrónica Salon (www.salon.com).


2002-04-29

Morreu Fernando Pessa

O mais velho jornalista do mundo morreu hoje, pelas 06h00 da madrugada. Pedro Canas Mendes, director clínico do Hospital Curry Cabral, confirmou o óbito e adiantou que Fernando Pessa morreu "na sequência de um processo de degradação das suas forças orgânicas". O jornalista tinha sido internado a 25 de Março devido a uma infecção bronco-pulmonar que fez com que passasse o seu centésimo aniversário hospitalizado.

2002-04-24

Um dia sem televisão

A Associação Portuguesa de Consumidores dos Media (ACMedia) quer apelar aos telespectadores para desligarem a televisão e aderirem ao "Dia sem TV" pensado para 10 de Maio. Para a associação esta iniciativa vai ajudar a que os portugueses reflictam sobre os verdadeiros efeitos da televisão sugerindo mesmo que nesse dia a reflexão seja feita em família, nas escolas e nas associações, debruçando-se sobre a violência na televisão e sobre o papel activo que este órgão tem na construção da sociedade.


2002-04-22

Televisões da UE com prejuízos

O conjunto de todas as televisões da União Europeia (UE) teve em 2000 um prejuízo de 1,5 milhões de euros. Os problemas atingem sobretudo os canais públicos, mas os canais privados também têm sentido grandes dificuldades financeiras. Segundo um estudo elaborado pelo Observatório Europeu do Audiovisual nove das 15 televisões estatais finalizaram o ano com défice. As situações mais problemáticas são as de Portugal e Espanha, que registaram prejuízos de 172,7 e de 637 milhões de euros. A França, a Bélgica e a Alemanha encontram-se nos primeiros lugares da lista das televisões públicas com balanço positivo.


2002-04-19

Sindicatos criticam privatizações na RTP e RDP

O Sindicato dos Jornalistas (SJ) e o Sindicato dos Trabalhadores de Telecomunicações e Comunicação Audiovisual (STT) contestaram, ontem, as medidas anunciadas pelo Governo para a área da comunicação social. Segundo o SJ não há qualquer justificação de ordem técnica ou económica para a redução de canais públicos, seja no âmbito da Rádio ou da Televisão. Segundo o STT a redução da RTP a um canal generalista empobrece e, na prática, inviabiliza a prestação do serviço público de televisão.


2002-04-18

Portugal vê mais de três horas diárias de televisão

Segundo um estudo levado a cabo pela Eurodata TV Worldwide e que reúne dados de audimetria de 70 países, Portugal classifica-se em 33º lugar no "2001, um ano de televisão no mundo". Segundo o mesmo estudo cada português passou, em 2001, uma média de 3 horas e 13 minutos por dia a ver televisão, apresentando-se uma descida de cinco minutos face ao ano de 2000. Durante o ano de 2001 o programa mais visto foi o jogo de futebol entre o Benfica e o Boavista, a 25 de Fevereiro, a contar para a I liga.


2002-04-17

RTP partida ao meio

Ontem, o Conselho de Redacção (CR) da RTP fez publica a sua opinião acerca de uma possível divisão da televisão pública. O CR manifestou-se "contra a alienação de qualquer um dos canais da estação pública" acrescentando considerar não ser esta a solução para fazer frente aos graves problemas que a estação atravessa. A resposta do CR vem de encontro ao programa do Governo que prevê a cisão da RTP em duas entidades ficando só uma delas à responsabilidade do Estado, sob a forma de um canal público de carácter generalista. O CR considera, ainda, que um só canal "consiga garantir o acesso das minorias ao espaço televisivo e a defesa de outros interesses que não o das lógicas comerciais".


2002-04-16

Media Capital fecha cinco revistas

O grupo Media Capital decidiu encerrar cinco revistas. A decisão foi anunciada hoje aos trabalhadores após uma reunião da administração da editora Expansão Económica com os directores das revistas, na passada sexta-feira. A suspensão das revistas "Marketing&Publicidade", "Network World", Dealer World", "Global Data" e "Vinhos&Bebidas" vão significar o despedimento de, pelo menos, 25 trabalhadores. Segundo uma fonte da empresa o encerramento dos títulos da editora deve-se a uma reorganização das publicações da mesma.


2002-04-16

Jornal de direita chega a Nova Iorque

As bancas de Nova Iorque vão ter à venda um novo jornal diário com o nome "New York Sun" e que retoma um titulo extinto desde 1950. O novo jornal tem entre 12 a 28 páginas no formato "broadsheet". O jornal entra em competição directa com o "Times", o "Daily News" e o "Post" apesar de o seu objectivo passar por conseguir vender 60 mil exemplares e captar a atenção de um nicho de mercado supostamente esquecido: os leitores ideológicamente à direita.


2002-04-15

Fernando Pessa completa 100 anos

Fernando Pessa é actualmente o jornalista mais antigo, apesar de já não estar em actividade, uma vez que comemora, hoje, os seus cem anos. Quis ser oficial de cavalaria mas foi como repórter que se tornou conhecido do grande público, principalmente com uma série de reportagens chamadas "Os Bilhetes Postais", emitidas pela RTP e que punham a nu alguns casos insólitos passados na cidade de Lisboa. Começou a sua carreira como repórter na antiga Emissora Nacional de onde passou para a BBC, em Londres e onde acompanhou o período da II Grande Guerra. Regressou em 1946 e após um período entre locuções e programas de rádio liga-se à RTP. Apesar de ser uma das suas mais populares figuras, só em 1976 e já com 74 anos é que entrou para os quadros da empresa.


2002-04-11

Jornal da Guiné-Bissau em risco de fechar

O jornal mais antigo da Guiné-Bissau, o "Nô Pintcha", pode fechar as portas devido a falta de apoio por parte do Governo. O director do jornal, Simão Abina, lançou o alerta na edição de segunda-feira, lembrando que o " Nô Pintcha" foi a escola de jornalismo da maior parte dos profissionais guineenses. O director acredita que a abertura do jornal à crítica foi o que levou à diminuição dos apoios.


2002-04-10

Wall Street Journal: a primeira remodelação ao fim de 60 anos

Sessenta anos depois o "Wall Street Journal" faz a sua primeira reformulação gráfica. O novo grafismo do jornal é o resultado de um projecto de quatro anos, e tem como principal ponto a introdução da cor. Mais gráficos, a renovação de várias secções, umas alterações na primeira página e uma nova secção, " Personal Journal", são algumas das remodelações deste jornal. O Wall Street Journal é o segundo maior jornal dos EUA em tiragem e o maior diário financeiro do mundo.


2002-04-09

Jornalistas bielorussos julgados por calúnia ao presidente

Os dois jornalistas acusados do crime de calúnia e difamação ao presidente Alexandre Lukachenko começaram a ser julgados num Tribunal da cidade de Grodno e incorrem numa pena de prisão de cinco anos depois de o jornal para o qual trabalhavam, o "Patagónia" já ter sido encerrado. O caso remonta às eleições presidenciais de 9 de Setembro que acabaram por dar a vitória a Lukachenko embora os resultados tivessem sido bastante contestados tanto pela oposição como por diversos países ocidentais. O jornal publicou alguns artigos a criticar o presidente ao que os serviços secretos de Grodno responderam com a apreensão da totalidade dos jornais ao mesmo tempo que o Ministério Publico investigava uma possível ligação do presidente com o desaparecimento de membros da oposição e na criação de "esquadrões da morte".


2002-04-09

"New York Times" grande vencedor dos Pulitzer

O jornal norte-americano "New York Times" foi o grande vencedor dos prémios de jornalismo Pulitzer, deste ano. O jornal nova-iorquino conseguiu arrecadar sete prémios incluindo o prémio de "serviço público". Este prémio deveu-se à secção criada pelo jornal e intitulada "Uma Nação Devastada", que procurava cobrir exaustivamente a tragédia do 11 de Setembro, fazendo o perfil das vítimas e acompanhando a história em desenvolvimento, a nível local e global. Para além deste prémio o NYT recebeu, ainda, prémios nas categorias de "reportagem especializada", "reportagem de fundo", "comentário" e em duas categorias fotográficas.


2002-04-08

Alterações nos media só depois do novo programa do governo

O ministro da Presidência, Nuno Morais Sarmento, anunciou que toda e qualquer decisão a ser tomada na área da comunicação social pública, só o será depois da aprovação do programa do Governo, em Conselho de Ministros, no próximo sábado. Morais Sarmento acrescentou que é imperativo do novo governo agir rápido, mas também com moderação. "Temos de esperar pala aprovação do programa de Governo e só depois vamos actuar sobre as empresas públicas de comunicação social.", afirmou o titular da pasta da Presidência.






DEIXE O SEU COMENTÁRIO





ÚLTIMOS EMPREGOS


.NET DEVELOPER

Spring Professional Portugal

ACCOUNTS PAYABLE - FLUENT IN GERMAN

Spring Professional Portugal

ACCOUNTS PAYABLE - FRENCH

Spring Professional Portugal