Notícias

Linkedin: as 25 competências mais procuradas

Linkedin: as 25 competências mais procuradas

A rede social âmbito profissional Linkedin divulgou o seu habitual ranking anual das competências mais procuradas pelos recrutadores entre os 300 milhões de utilizadores associados à rede em todo o mundo. As tecnologias de informação continuam a dominar a dinâmica de contratações a nível global, mas em 2014 a análise estatística superou o social media marketing que em 2013 se tinha destacado como a competência mais procurada.

17.01.2015 | Por Cátia Mateus


  PARTILHAR
LinkedIn Twitter Facebook Google+



As tecnologias de informação dominam as opções de pesquisa dos recrutadores na rede social Linkedin. O ranking das competências mais procuradas em 2014 não traz grandes surpresas face a anos anteriores, mas deixa claras as competências em que têm de apostar os profissionais para se manterem atrativos aos olhos das empresas  e potenciar as suas hipóteses de carreira e progressão profissional.

Perfis com sólidas competências ao nível da análise estatística, gestão de sistemas de armazenamento, segurança de redes, marketing digital, business intelligence, arquitetura web ou algorithm design figuram entre as competências mais procuradas pelos recrutadores na rede social de âmbito profissional durante o último ano. O ranking final deste top de competências (ver caixa), foi alcançado a partir da análise de 330 milhões de perfis e um número infindável de palavras-chave que ao longo do último ano foram sendo pesquisados por recrutadores ativos e atentos à plataforma que é cada vez mais utilizada como montra profissional.

Um estudo recente da plataforma social de recrutamento Jobvite – o Social Recruiting Survey 2014 – dá conta do investimento dos profissionais e recrutadores nas plataformas sociais, mas deixa clara uma desadequação entre o posicionamento de ambos. Segundo o estudo do Jobvite, enquanto os canditatos apostam forte no Facebook para se poscionarem na procura ativa de emprego, os recrutadores focam-se no Linkedin para tomar decisões. Jesús Álava Antón, consultor senior da consultora  Llorente & Cuenca, estudou a forma como as empresas se posicionam nas redes sociais – com particular enfoque no Linkedin – para identificar talento, mas também para construir a sua identidade digital. 

Segundo o especialista, “as pessoas estão cada vez mais ativas na partilha de informação nestes canais e na criação de novos contactos profissionais” e, explica, “os departamentos  de marketing, comunicação e recursos humanos estão a trabalhar de forma alinhada para identificar os melhores talentos e comunicar a atividade da empresa junto de um segmento mais profissional”.

Do lado dos candidatos, o especialista reconhece que é hoje obrigatório estar presente nas redes e ser pesquisável no Google, mas não basta estar presente. É necessário tirar partido das ferramentas tecnológicas enquanto fontes de informação a partir das quais é possível medir o pulso ao sector de atividade onde determinado profissional atua ou quer atuar.

Mas o que procuram afinal as empresas em plataformas como o Linkedin, quando o objetivo o recrutamento? Além das competências divulgadas pela plataforma já referidas, Jesús Álava Antón, realça que há várias linhas de atuação, muito diferentes entre si, que resumem a relevância do Linkedin nesta matéria: a identificação e captação de talento; a tendência, cada vez mais utilizada, de recurso ao employer branding (estratégias que permitem que as organizações se tornem inspiradoras e atrativas para os melhores profissionais;  a possibilidade de um diálogo de valor acrescentado já que a plataforma, sendo informal, permite o contacto com inúmeros profissionais; a possibilidade de estabelecer networking e a consolidação da própria identidade digital dos colaboradores que podem representar a cultura corporativa das empresas.

Foi a partir desta articulação que foi possível alcançar a lista de competências que este ano os recrutadores mais procuraram nos candidatos. Sendo certo que do lado dos recrutadores e candidatos há ainda quem privilegie outras formas de abordar o mercado, mais criativas e presenciais, o cruzamento de dados que a tecnologia permite é hoje particularmente últil para os candidatos que procuram alinhar-se com o mercado e perceber quais os perfis mais procurados para traçar ou repensar novas rotas para a sua carreira.

Na mira dos recrutadores

Em 2014, o ranking das competências mais pesquisadas pelos recrutadores e especialistas em recursos humanos no Linkedin foi sobretudo dominado por funções ligadas ao universo das tecnologia de informação, que também na rede social de âmbito profissional se posiciona como um dos sectores mais dinâmicos no recrutamento. Estas são as competências que estão na mira das empresas. Está alinhado com as necessidades do mercado?

1.º Análise Estatística e Data Mining
2.º Middleware ?e Integration Software
3.º Storage Systems ?e Management
4.º Network Information Security
5.º SEO/SEM Marketing
6.º Business Intelligence
7.º Mobile Development
8.º Arquitectura Web ?e Development Framework
9.º Algorithm Design
10.º Perl/Python/Ruby
11.º Data Engineering ?e Data Warehouseing
12.º Marketing e Gestão de Campanhas
13.º MAC, Linux ?and Unix Systems
14.º User Interface Design
15.º Recrutamento ?e Recursos Humanos
16.º Marketing Digital
17.º Computação Gráfica e Animação
18.º Economia
19.º Java Development
20.º Maketing de Canal
21.º SAP ERP Systems
22.º Design de Circuitos Integrados
23.º Shell Scripting languages
24.º Game Development
25.º Virtualização



OUTRAS NOTÍCIAS
Ryanair e Emirates regressam a Portugal

Ryanair e Emirates regressam a Portugal


Portugal está na mira das transportadoras aéreas internacionais no que ao recrutamento diz respeito. A Emirates Airlines e a Ryanair estão de regresso a Portugal, onde dever&atild...

“Todos somos gestores de pessoas”

“Todos somos gestores de pessoas”


Conseguir que cada uma das chefias que integram as nove unidades do grupo Hotéis Real em Portugal, interiorize a ideia de que “todos somos gestores de pessoas” e possa, a partir dai...

Mestrado português está entre os melhores do mundo

Mestrado português está entre os melhores do mundo


O Mestrado em Estudos de Cultura da Faculdade de Ciências Humanas da Universidade Católica – The Lisbon Consortium foi reconhecido como um dos três melhores mestrados do mundo...



DEIXE O SEU COMENTÁRIO




ÚLTIMOS EMPREGOS